[the_ad_group id="16401"]
Medicina Alternativa > Médicos > Saúde

O que é acunputura animal? Saiba tudo.

Por Carolinne Torres 22/02/2016

O que é acunputura animal? Antes de entender mais sobre esse assunto, vamos abordar os conceitos fundamentais. A acupuntura como parte integrante da medicina tradicional chinesa (MTC) tem recebido contribuições ao seu desenvolvimento por centenas de anos.

Atualmente, essa cultura milenar vem sendo integrada ao dia-a-dia da medicina ocidental, chegando inclusive à medicina veterinária.  A acupuntura faz parte do que chamamos de Medicina Integrativa. Essa linha é orientada por uma abordagem mais ampla de cura, visando tratar indivíduos como um todo: corpo, mente e espírito.

O que é acunputura para animais? Ela promete curar doenças. Foto: iStock/GettyImages

O que é acunputura para animais? Ela promete curar doenças. Foto: iStock/GettyImages

O que é acunputura e como funciona

A técnica de acupuntura utiliza o estímulo em determinados pontos do corpo que fazem parte de uma rede complexa de linhas. Através delas, pode-se produzir alguns efeitos elétricos e orgânicos que levam à melhora do organismo e buscam o seu equilíbrio (homeostasia). O tratamento, portanto, baseia-se principalmente na estimulação elétrica de determinados pontos da pele e musculatura do animal.

Esse estímulo irá mandar uma resposta para a medula espinhal, para o cérebro e para áreas adjacentes ao ponto agulhado. Daí surge uma cascata de eventos orgânicos, como a liberação de neurotransmissores e a regulação de hormônios, com os quais praticamente todo o corpo se envolve e beneficia.

Após essa estimulação há um efeito mais duradouro de alguns desses neurotransmissores, hormônios e peptídeos liberados na corrente sanguínea. Isso faz com que a sensação de bem-estar, tranquilidade, o equilíbrio orgânico e a redução de dores sejam perpetuados por alguns dias.

Acunputura na medicina veterinária

Na medicina veterinária, avanços estão sendo cada vez mais significativos quando se fala em diagnósticos e tratamentos para doenças crônicas. E o papel que a medicina tradicional chinesa (MTC) assume, nesse âmbito, é o de ajudar os tratamentos e buscar curas antes tidas como difíceis ou até improváveis.

A técnica pode ser usada para tratar desde dores crônicas ou agudas, discopatias (problemas de coluna), passando por problemas articulares e renais. Também cardiopatias, alterações em fígado e digestão, problemas intestinais e de pele, oftálmicos, até chegarmos nos problemas oncológicos. A busca pela qualidade de vida, a redução dos efeitos colaterais da alopatia, e até mesmo a remissão dos sintomas, faz parte do caminho dos especialistas em acupuntura veterinária.

A acupuntura tem auxiliado a medicina veterinária em sua ascensão, já que a medicina tradicional chinesa para os animais é um método eficaz e eficiente no âmbito do tratamento de várias doenças e problemas.

Atualmente pesquisas são feitas na área da MTC por todo o mundo, aliando-se conhecimentos antigos com os mais recentes meios de pesquisa e diagnóstico. Essa abundante cultura vem tornando-se mais e mais respeitada e admirada por um número cada vez maior de profissionais da área da saúde.

Existem técnicas modernas que auxiliam o médico acupunturista a alcançar de maneira mais rápida seus objetivos, dentre elas podemos citar: o estímulo elétrico (eletroacupuntura), a injeção de substâncias, a utilização do laser, massagens e fitoterápicos (tópicos e/ou orais) e a dietoterapia.

Carolinne Torres é acupunturista veterinária, graduada pela FMVZ-USP, doutora em Ciências pela FM-USP e especialista em Acupuntura Veterinária e Fitoterapia Chinesa. Sócia-proprietária da Flor de Lótus Acupuntura Veterinária.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar!

 


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]