Remédios Caseiros

Conheça remédios naturais com ervas para o coração

Por Redação Doutíssima 20/11/2014

Fundamental para o pleno funcionamento do corpo humano, o coração é responsável pelo bombeamento do sangue oxigenado que vem dos pulmões para o restante do corpo. A falta de exercícios, má alimentação, estresse e o uso excessivo de substâncias tóxicas como tabaco e álcool são as principais causa de doenças cardíacas. Para evitar esse tipo de complicação, conheça algumas ervas para o coração ficar forte e saudável.

ervas-para-o-coração

Problemas cardíacos podem ser prevenidos com uma série de chás. Foto: iStock, Getty Images

Confira as principais ervas para o coração

Derivado da planta camellia sinensis, o chá verde é uma das ervas para o coração funcionar sem problemas. Sua substância, a catequina, evita que a gordura se acumule nas artérias, por onde passa o sangue bombeado, combatendo o colesterol ruim. Faça uma infusão de duas colheres (sopa) da planta em água quase fervida por 10 minutos. Tome de três a quatro xícaras do chá por dia.

Ervas para o coração hipertenso, as mangabeiras inibem a formação das substâncias causadoras da hipertensão, além de serem vasodilatadoras. Ainda são indicadas para tratar colesterol alto e diabetes. Prepare o chá da erva contando duas colheres (sopa) das folhas e dos pedaços de tronco para cada 500ml de água.

Leve ao fogo e desligue quando chegar a fervura, deixando descansar por 10 minutos. O paciente hipertenso deve consultar o médico para saber a dosagem certa, ou o efeito pode ser contrário.

O espinheiro branco é outra das ervas para o coração.Regulariza a arritmia cardíaca e palpitações, afasta a fadiga, falta de ar, ansiedade e insônia ligada a desregularização cardio-vascular. Também aumenta a circulação coronariana, devido aos flavonoides presentes em seu extrato. Ferva uma colher (chá) da planta em uma xícara de água e beba duas vezes ao dia.

O extrato da folha de oliveira, a árvore das azeitonas, age diminuindo os níveis de colesterol do sangue e a pressão arterial alta, prevenindo doenças e ataques cardíacos. Ferva um litro de água e adicione duas colheres (sopa) das folhas. Passado um minuto, tire do fogo e espere esfriar. Coe e tome três xícaras por dia, sem adoçar, entre as refeições.

Ginkgo, valeriana e cidreira também são ótimas ervas para o coração

Amenizando a aglomeração plaquetária, o ginkgo biloba deixa o sangue mais fino, melhorando a circulação sanguínea. No prepraro, coloque duas colheres (sopa) da planta medicinal em uma xícara, cobrindo com água fervida. Depois de alguns minutos, coe e beba imediatamente, para que a atuação seja mais eficaz. Beba quatro xícaras por dia.

O chás de valeriana ou zimbro são ervas para o coração que possuem as mesmas propriedades, de acalmar o coração que possui batimento cardíaco forte. Para preparar o chá de valeriana, deixe duas colheres (sopa) do chá descansando em uma xícara de água fria por duas horas.

No caso do zimbro, basta fazer uma infusão em água quente por alguns minutos. Coe ambos antes da ingestão e amorne o de valeriana antes de beber.

A erva cidreira também auxilia no funcionamento do coração, minimizando a palpitação. O cominho atua da mesma forma. Vale ressaltar que nenhuma dessas ervas substituem um tratamento médico. O ideal é procurar um especialista para que uma intervenção natural e medicamentosa sejam combinadas.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


Sites parceiros