[the_ad_group id="16401"]
Medicina Alternativa

Aprenda a fazer remédios caseiros para tratar infecção urinária

Por Redação Doutíssima 16/12/2014

Bastante comum no verão, a infecção urinária pode ser desencadeada por vários fatores, como a proliferação das bactérias em decorrência do calor ou das roupas de banho úmidas ainda no corpo. Entre os principais sintomas estão o ardor na hora de urinar e a grande frequência de idas ao banheiro ao longo do dia. Nessas ocasiões, o paciente consegue expelir apenas algumas gotas e tem dores abdominais.

 

infeccao-urinaria

Remédios naturais são ótimos para combater a infecção urinária. Foto: iStock, Getty Images

Saiba mais sobre a infecção urinária

 

Apesar de simples, este problema precisa ser tratado de forma eficaz, antes que ele evolua para uma infecção nos rins, o que é bastante comum e exige bastante atenção.

 

A bactéria mais comumente apresentada neste tipo de infecção é a Escherichia coli, que habita, normalmente, a flora intestinal. Apesar de ser inofensiva no intestino, pode causar problemas sérios nas vias urinárias e rins, como o próprio paciente pode constatar, já que a infecção urinária é acompanhada de extremo desconforto.

 

Remédios caseiros contra a infecção urinária

 

Água

 

Beber bastante água é muito importante. Programe-se para beber um copo de água por hora. Assim, o volume da urina aumenta e, mesmo com dificuldade, você consegue expelir grande parte das bactérias com as idas ao banheiro.

 

Muitas pessoas incorrem no erro de parar de tomar água por medo de urinar, devido à forte dor, mas dessa maneira, retendo os líquidos, o organismo cria um ambiente mais favorável à proliferação das bactérias, piorando o quadro de infecção urinária.

 

Suco de cranberry

 

Além de delicioso, este alimento contém uma substância chamada proantocianidina, que impede que  as bactérias se “agarrem” às paredes da bexiga, ajudando a prevenir a infecção urinária.

 

Chás diuréticos

 

Infusões de raiz amarela, equinácea e erva-de-são-jorge, intercaladas com água, são excelentes aliadas. Essas ervas contém princípios anti-inflamatórios e fortalecem o sistema imunológico, podendo auxiliar na maior ingestão de líquidos.

 

Alimentos que causam irritação

 

Corte tudo que tiver cafeína – além do café, também possuem alto teor dessa substância os chás de mate ou preto e refrigerantes. Os agentes da cafeína desidratam o corpo, prolongando a inflamação. Evite, ainda, álcool, ácido cítrico, frutas cítricas e condimentos. Ao urinar, estes princípios ativos podem causar ainda mais sensação de ardência nas mucosas.

 

Cuidados com a higiene

 

Para prevenir a infecção urinária, é essencial manter a área genital limpa, seca e livre de agentes alergênicos. Adquira o hábito de fazer a limpeza correta da região – ao evacuar, por exemplo, limpe-se da frente para trás, evitando arrastar bactérias do ânus para a região genital e da uretra.

 

Evite banhos de banheira, piscina ou mar, para preservar a uretra do aparecimento de novas bactérias. Adote absorventes para manter a área seca, trocando a cada ida ao banheiro ou quando houver sensação de umidade.

 

Roupas frescas

 

Mantenha a região arejada e confortável, fugindo das roupas justas ou de material sintético. É recomendado o uso de lingerie de algodão. A roupa íntima deve absorver o suor e a umidade, evitando retê-los na pele, como os tecidos sintéticos. Vestes mais soltas evitam atrito, suor ou acúmulo de bactérias na região afetada. Além de auxiliarem a diminuir as idas ao banheiro.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]