Equilíbrio

Massagem tailandesa e suas técnicas de relaxamento corporal

Por Redação Doutíssima 19/12/2014

Técnica que consiste em estimular pontos considerados vitais no corpo, através de pressões profundas, alongamentos musculares, manipulações articulares e torções, a massagem tailandesa busca liberar os bloqueios e estagnações da energia vital.

 

massagem tailandeza

Massagem tailandesa é uma terapia de relaxamento milenar. Foto: Shutterstock

 

A tradição milenar de relaxamento corporal tem sido associada a massagens estimulante do prazer sexual e, algumas vezes no Brasil, até confundida com prostituição. Mas a tradicional massagem tailandesa, também conhecida como thai yoga massagem, está longe de ser uma massagem erótica, pelo contrário, trata-se de uma terapia com enfoque mais energético que físico.

 

Entenda a massagem tailandesa

 

Dentre a imensa rede de canais sutis existentes no corpo humano, a massagem tailandesa defende que o chamado canal sen é por onde circula a energia vital humana. Neste tipo de massagem oriental, utiliza-se os 10 principais canais energéticos do corpo para estimular funções terapêuticas.

 

massagem thai

A técnica da manobra alonga o corpo durante a massagem tailandesa. Foto: Shutterstock

 

Tomando-se como verdade que a massa corporal é apenas um dos elementos da composição de um ser humano – que inclui a ânima (alma), a mente  e os músculos, ossos, tecidos etc – o corpo físico seria, portanto, o veículo através do qual se trabalha para reestabelecer o fluxo energético. Com o reestabelecimento deste fluxo seria possível, então,  a cura total em todos os demais “corpos” (físico, emocional e espiritual).

 

Tradição e história da massagem tailandesa

 

A massagem tailandesa tem origem na Tailândia e recebeu fortes influências das tradições indianas. Os primeiros registros históricos deste estilo de massagem remetem ao tempo de Sidharta Gautama, mais conhecido como Buda, e a região que hoje compreende Índia e Nepal. Acredita-se que Dr. Jivaka Kumar Baccha, contemporâneo de Budha e médico da mesma região, foi o criador deste método e é venerado na Tailândia como o “Pai da Medicina”.

 

 

Thai yoga massagem

A mssagem tailandesa surgiu há 2 mil anos na Índia, local onde nasceu Buda. Foto: Shutterstock

 

 

Com a expansão do Budismo há mais ou menos 2 mil anos, esse conhecimento chegou ao que hoje conhecemos como Tailândia onde foi preservado até nossos dias. Essa técnica, atualmente conhecida como massagem tailandesa,  foi mantida por tradição oral (mestre – discípulo) e alguns poucos registros que sobreviveram ao tempo.

 

A técnica e os resultados da massagem tailandesa

 

De acordo com ONG Associação Luso Brasileira de Ayurvédica e Disciplinas Associadas (ALBA), a massagem tailandesa é conhecida como yoga passiva. É chamada assim  por que o corpo recebe todos os benefícios do yoga, sem que para isso tenha de participar numa aula ativamente.

 

 

massagem tailandesa

Além das mãos, outras partes do corpo são usadas para aplicar a massagem tailandesa. Foto: Shutterstock

 

A massagem tailandesa consiste em o massagista movimentar o corpo de quem está recebendo os estímulos. Esses movimentos são chamados de manobras,  criadas para facilitar e estimular as correntes de energia interligada em nosso corpo, liberando os bloqueios que impediriam o equilíbrio essencial à manutenção de um indivíduo saudável e livre de dores.

 

Também são utilizadas as pressões feitas pelas mãos dos massagistas. Mas essas pressões também podem ser realizadas por outras partes do corpo do massagista. Além das mãos, é comum durante a massagem tailandesa o corpo ser estimulado por polegares, pés, joelhos, cotovelos e antebraços.  Já as torções e alongamentos são movimentos muito parecidos com os da yoga ou da acra yoga, porém, feitos com a ajuda de quem está aplicando a massagem

 

 

massagem thai

A massagem tailandesa é uma terapia corporal para cura e relaxamento. Foto: Shutterstock

 

Conciliando pressões, movimentos e as chamadas manobras, a massagem tailandesa possibilita alongar músculos, mover articulações e reequilibrar pontos de tensão. Mexendo com os níveis de energia encontrados no corpo, os resultados são o aumentando a flexibilidade e a uniformização dos pontos que estavam desequilibrados. E a redução drástica do estresse.

 

A sensaçâo de bem estar é gerada pela liberação de endorfina. Durante a aplicação da massagem tailandesa os corpos do massagista e do massageado integram-se  em cadência e fluidez, dissolvendo os pontos de tensão através de uma espécie de coreografia.

 

Massagem tailandesa e massagem erótica

 

Quando um casal opta por utilizar técnicas milenares para apimentar a relação, certamente a massagem tailandesa pode ganhar uma conotação erótica. Quando duas pessoas que são unidas pela atração decidem aplicar uma na qualquer tipo de massagem, o ambiente se torna propício para aexcitação. Afinal, são dois corpos se tocando e se movimentando em prol de um relaxamento. Teoricamente, parece inclusive com as preliminares tão cultuadas nas relações sexuais.

 

massagem tai

A massagem tailandesa não é a mesma coisa de massagem erótica. Foto: Shutterstock

 

O problema é quando se confunde qualquer profissional de massagem tailandesa com alguém disposto a fazer sexo com o massageado. No Brasil, inclusive, é comum algumas garotas de programa indicarem em seus serviços que são especialistas em massagem tailandesa.

 

Esse fato acaba por gerar uma confusão e tem levantado debate entre os profissionais. Não há nenhum problema desta técnica ser usada usada com fins mais sensuais. O que não pode é achar que massagem tailandesa sempre será massagem erótica.  Talvez pela divulgação do popuarismo tailandês, no  ocidente acostumou-se a ver essa técnica de massagem nuito associada à sexualidade.  

 

O objetivo da massagem tailandesa, no entanto, é desbloquear os pontos vitais onde a energia esteja bloqueada. A tradição fundamental desta técnica é espiritual e visa à cura física, emocional e espiritual. Tem sido muito eficaz na melhora da postura, no aumento da flexibilidade, na diminuição da tensão corporal e no estímulo da circulação sanguínea. E por esses e os demais motivos aqui apresentados, não deve ser confundida com massagem sensual.

 

 

 Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Identificou-se com o tema? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Ou mande sua história para o email parcerias@fortissima.com.br e nós poderemos publicá-la.