[the_ad_group id="16401"]
Medicina Alternativa

Conheça os benefícios medicinais da malva

Por Redação Doutíssima 21/12/2014

Entre as inúmeras plantas que, devido à sua composição nutricional, são altamente benéficas para a nossa saúde, está a malva. Encontrada em zonas de clima temperado, tropical e subtropical, sobretudo na Europa, Ásia e África, ela pode chegar a até 60 centímetros de altura.

 

Saiba mais sobre a malva

 

Hoje, como todos os benefícios que essa planta oferece ao organismo são conhecidos, é possível obtê-la em qualquer parte do mundo. E nada é desperdiçado, já que tanto folhas, flores e raízes possuem funções especiais para aqueles que buscam tratamentos caseiros e naturais.

 

malva

Malva é uma planta que possui inúmeras propriedades benéficas à saúde. Foto: iStock, Getty Images

Normalmente, a malva é ingerida na forma de chá, sendo que a composição ideal é adicionar uma colher da planta por xícara, bebendo a infusão ao menos três vezes por dia. É possível, porém, usá-la de outras formas: pomadas ou loções para a aplicação em zonas inflamadas, ou quem sabe até mesmo preparar o chá e usá-lo para fazer um gargarejo, quando o problema for uma dor de garganta.

 

Benefícios medicinais da malva

 

Prisão de ventre

A prisão de ventre é um problema muito incômodo, e a malva é um excelente remédio natural para combatê-la. Essa planta é bastante reconhecida por suas propriedades digestivas, inclusive laxantes, e por isso é uma ótima alternativa para aqueles que sofrem dessa condição. Nesse caso, a recomendação é que seja feita uma infusão com folhas e flores, bebendo-a duas vezes ao dia.

Febre

Você já ouviu falar em propriedades antipiréticas? Essa é a capacidade que determinadas substâncias têm de inibir o aumento da temperatura corporal, ou seja, a febre – e também está presente na planta. Para combater essa condição, o ideal é que seja preparada uma infusão com folhas da planta, bebendo-a para frear o aumento da temperatura do corpo.

Tosse

Se é a tosse que está afligindo você, saiba que a malva é uma boa alternativa natural para esses casos, pois possui propriedades expectorantes e emolientes – por isso também funciona para quem sofre de afonia ou voz rouca. Mais uma vez, a recomendação nesse caso é que seja feita uma infusão, desta vez apenas com as flores da planta.

Gengivite

A gengivite é um problema bastante incômodo, mas que é perfeitamente tratável com o consumo dessa planta medicinal. Para obter esse benefício, basta preparar uma infusão com flores secas, por 10 minutos, e depois fazer bochechos com essa solução todos os dias. Em pouco tempo você já será capaz de sentir os resultados.

Saúde da pele

Em razão de suas propriedades emolientes, a malva é indicada como uma boa fonte de proteção adicional para a pele, protegendo-a do aparecimento de feridas, úlceras, abcessos, chamas e furúnculos, por exemplo. Além disso, pode ser usada para abrandar a dor decorrente de picada de insetos ou de quaisquer outros tipos de lesões.

Inflamações

A malva possui, também, propriedades anti-inflamatórias, que podem ser usadas para o tratamento dos mais diversos tipos de inflamação. Então, se você sofrer de alguma inflamação estomacal, na bexiga, no intestino, na boca, na garganta, ou nas amígdalas, por exemplo, cogite incluir uma infusão dessa planta na sua dieta diária e veja os resultados em pouco tempo.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]