Sexualidade

Veja 7 dicas para combater a falta de desejo sexual

Por Redação Doutíssima 29/05/2015

A falta de desejo sexual é um problema comum e que afeta um em cada cinco homens em algum ponto de suas vidas – em mulheres, a proporção é ainda maior. Normalmente, ela está relacionada ao estresse e a mudanças no estilo de vida, como gravidez ou nascimento de um bebê. Porém, é possível reacender a chama da paixão com algumas dicas simples.

Falta de desejo sexual: por que acontece?

A falta de desejo sexual, quando dura longos períodos e retorna de tempos em tempos, tanto pode ocorrer por fatores psicológicos, como também indicar outros problemas médicos.

falta de desejo sexual

O estresse e o cansaço podem fazer o desejo sexual diminuir ou desaparecer. Foto: iStock, Getty Images

A primeira causa a ser considerada é questionar se você está feliz em seu relacionamento. Além disso, em relacionamentos que já duram algum tempo, é comum estar tão familiarizado com o parceiro, a ponto de sentir menos atração por ele. Os problemas de relacionamento são uma das causas mais comuns para a falta de desejo sexual.

 

É preciso considerar ainda problemas médicos que possam estar dificultando o sexo, como ejaculação precoce ou disfunção erétil. O estresse também é capaz de consumir você e afetar sua felicidade.

Para você ter ideia, um estudo divulgado em 2013 pela Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica constatou que o cansaço da rotina e o estresse causado pelo trabalho são os maiores causadores da falta ou diminuição do desejo sexual masculino.

 

Além disso, em razão das mudanças hormonais que experimentam, muitas pessoas perdem interesse sexual à medida em que envelhecem. Os homens mais velhos, por exemplo, podem ter baixos níveis de testosterona, o que é capaz de causar fadiga e diminuir o desejo sexual.

 

Dicas para combater a falta de desejo sexual

Com algumas dicas, é possível combater a falta de desejo sexual. Se elas não resolverem o problema, procure ajuda médica.

 

1. Descanse

Ficar acordado até mais tarde, certamente, é útil para terminar trabalhos inadiáveis do dia seguinte, mas fará você entrar em um ciclo vicioso de cansaço. Isso afetará sua rotina, inclusive a sexual.

 

2. Vitaminas

Algumas vitaminas combatem a falta de desejo sexual. A vitamina C, por exemplo, aumenta a circulação e dá mais energia, enquanto a vitamina B5 ajuda o corpo a converter os alimentos em energia, influenciando ainda na produção dos hormônios relacionados com o desejo sexual.

 

3. Vegetais

Os vegetais verdes, como espinafre e brócolis, são saudáveis e ajudam você a entrar no clima. Eles estão repletos de vitamina C que, como visto acima, ativa a circulação sanguínea e dá mais energia ao organismo.

 

4. Alimentos afrodisíacos

Não é por acaso que alguns alimentos são classificados como afrodisíacos. O chocolate, por exemplo, aumenta os níveis de dopamina e serotonina, e consegue fazer você sentir-se mais disposto e feliz.

 

5. Exercite-se

O exercício físico é importante para aumentar o fluxo sanguíneo, desintoxicar o corpo e fazer você sentir-se bem consigo mesmo. Quando o assunto é sexo, os exercícios refletem positivamente: resultam em melhores orgasmos, ereções mais fortes e melhoram o desempenho.

 

6. Aconselhe-se

Se você acha que está tudo OK com seu organismo e o problema está na sua mente, não há problema algum em buscar ajuda. Muitas vezes não estamos cientes dos processos inconscientes de nossa mente, e um profissional conseguirá esclarecê-los.

7. Valorize seu tempo

Reserve algum tempo apenas para você. Isso lhe fará bem e refletirá em maior disposição para intimidades com seu parceiro ou parceira.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros