A barriga de tanquinho é uma das características físicas mais admiradas por quem está fora de forma. Além de sexy, todo mundo sabe que manter um abdômen sarado é trabalhoso e exige disciplina, e parte da admiração vêm disso.

 

Barriga de tanquinho e saúde

Atletas em geral exibem suas barrigas de tanquinho não apenas por vaidade. A musculatura abdominal é o centro do nosso corpo e, ao trabalhar essa região, estamos fortalecendo a base para movimentos e exercícios de força.

barriga de tanquinho
Alimentação correta e exercícios físicos podem ajudar na definição da barriga. Foto: iStock, Getty Images

Um abdômen trabalhado também ajuda a proteger a coluna de lesões por esforço ou em acidentes.

Aliás, para um bom equilíbrio físico, é importante trabalhar o core como um todo, que une a região do abdômen, costas e peito, garantindo uma musculatura estável para a prática de diversas atividades físicas.

Segredos para ter uma barriga de tanquinho

Com a correria do dia a dia, as pessoas acabam adquirindo alguns hábitos que podem dificultar a barriga chapada. Confira:

1. Alimentação

Fique longe de alimentos que causam a retenção de líquidos. Os industrializados, em geral, são os campeões da categoria por conter muito sódio na fórmula. Um grande vilão da barriga chapada é o refrigerante. De acordo com um estudo publicado no Journal of the American Geriatrics Society, seu consumo pode aumentar a gordura abdominal.

2. Álcool

O álcool também não é amigo da barriga de tanquinho. Além das calorias vazias, que são muitas, ele também provoca a retenção de líquidos.

3. Líquidos

Consumir líquidos durante as refeições também não é recomendado, pois dilata o abdômen, projetando a barriga para frente.

4. Consuma fibras

Adicione fibras à sua dieta. Tanto as solúveis quanto as insolúveis são essenciais para o bom funcionamento do trato intestinal. Leguminosas, vegetais e cereais são fontes ricas de fibras e devem estar presentes no seu dia a dia.

5. Má postura

A má postura também influencia negativamente no visual da barriga de tanquinho. Uma postura curvada para frente deixa a barriga frouxa e evidencia ainda mais os pneuzinhos nas laterais do abdômen.

6. Não fique sentado

Ficar sentado por muitas horas pode ser um problema para quem quer uma barriga de tanquinho. A posição não exige nada da musculatura abdominal, que fica totalmente solta. Para evitar o efeito, tente levantar para ativar a circulação na parte inferior do corpo e mantenha o abdômen contraído.

7. Exercite-se

Malhar é fundamental, é claro. Você precisa trabalhar a estrutura muscular local se quiser uma barriga tanquinho de dar inveja. Isso exige paciência e persistência, já que os resultados não aparecem da noite para o dia.

8. Exercícios aeróbicos

Além de treino muscular, você precisa combinar exercícios aeróbicos que promovam a perda do percentual de gordura corporal. A gordura acumulada na região abdominal não permite que a musculatura trabalhada seja vista, então livre-se dessa camada prejudicial à saúde.

9. Dieta

Combine os treinos prescritos por um educador físico com uma boa dieta. Restringir a ingestão de gorduras e alimentos prejudiciais vai potencializar seu treino e trazer resultados melhores mais rápido. A orientação nutricional deve ser feita por um médico ou profissional de nutrição após avaliar sua saúde, seus objetivos e suas preferências.

10. Relaxe e divirta-se

O estresse não permite que você dê tudo de si e pode atrapalhar a sua busca pela barriga de tanquinho perfeita. Então, mantenha seus objetivos, mas leve a vida numa boa, sem pressão desnecessária.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA