Exercícios

Descubra como tornar a aula de spinning ainda mais eficaz

Por Redação Doutíssima 09/08/2015

Semelhante a um intenso treino de bicicleta, a aula de spinning ajuda a melhorar o condicionamento cardiovascular. Como é feita sobre um equipamento ergométrico, pode ser praticada, inclusive, por quem possui problemas ortopédicos, desde que supervisionada.

 

Além disso, a queima calórica é alta, podendo eliminar até 700 calorias por hora, o que a torna excelente para perda de peso.

aula de spinning

Pelo alto gasto calórico, o spinning é uma opção para quem quer perder peso. Foto: iStock, Getty Images

Na Faculdade de Medicina da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, cientistas descobriram que a atividade física ajuda também na qualidade do sono. Aqueles que se exercitam adormecem muito mais rápido e melhor que os sedentários. Veja como é feita a aula de spinning e conheça dicas para deixá-la ainda melhor.

 

Aula de spinning ajuda a queimar gordura

Considerada um treinamento aeróbico potente, com alto rendimento, a aula de spinning ajuda a eliminar gordura. Para as mulheres, a média é de 570 calorias a menos em cada sessão. Já os homens podem queimar até 870, o mesmo que pular corda por duas horas.

 

Com o treino, é possível ainda tonificar a musculatura do abdômen, dos glúteos, das coxas e das panturrilhas, garantindo maior resistência para o corpo. Entre os benefícios para o organismo, está a redução do colesterol e melhora na pressão arterial, diminuindo a chance de desenvolver doenças coronárias.

 

O emagrecimento promovido pelo spinning ainda vem acompanhado do enrijecimento das pernas e do bumbum. Com o abdômen fortalecido, ainda fica mais fácil manter uma boa postura, pois o corpo ganha sustentação.

 

Em uma aula de spinning, os praticantes realizam a simulação de percursos montanhosos, descem lombas com intensidade, sobem morros e modificam os caminhos de acordo com o objetivo da malhação.

 

Melhore os resultados da aula de spinning

Algumas dicas podem ajudar você a potencializar os resultados e melhorar o condicionamento na aula de spinning. Confira.

 

1. Use medidor de frequência

O medidor de frequência pode ser usado para controlar o gasto calórico no exercício. Foto: Shutterstock

O medidor de frequência pode ser usado para controlar o gasto calórico no exercício. Foto: Shutterstock

É um pequeno aparelho que monitora a frequência cardíaca durante o exercício, possibilitando o controle da queima de gordura.

 

2. Use sapatilha especial

O uso do sapato adequado para o spinning promove estabilidade na força das pernas. Foto: Shutterstock

O uso do sapato adequado para o spinning promove estabilidade na força das pernas. Foto: Shutterstock

Apesar da bicicleta do spinning ter um suporte que permite prender os pés, a sapatilha especial de ciclismo melhora a performance. Com sola dura, ela melhora a força da perna e garante mais energia.

 

3. Modifique os treinos

Treinos diversificados de spinning garantem melhora na capacidade física do indivíduo. Foto: Shutterstock

Treinos diversificados de spinning garantem melhora na capacidade física do indivíduo. Foto: Shutterstock

Não fique sempre no mesmo programa (montanha e rampa, por exemplo). Para ter eficiência e trabalho muscular completo, é importante fazer treinos diferentes, que exigem mais da capacidade física.

 

4. Use bermuda acolchoada

A escolha da roupa adequada é essencial para evitar lesões na prática de spinning. Foto: Shutterstock

A escolha da roupa adequada é essencial para evitar lesões na prática de spinning. Foto: Shutterstock

Como a aula toda é feita sentada praticamente o tempo todo, é comum sentir dores no bumbum. Use uma almofada especial ou bermuda estofada para evitar lesões.

 

5. Mantenha-se hidratado

Beber água durante a prática de spinning ajuda a evitar a desidratação do organismo. Foto: Shutterstock

Beber água durante a prática de spinning ajuda a evitar a desidratação do organismo. Foto: Shutterstock

A garrafa d’água deve estar sempre à disposição. Quando o organismo está bem hidratado, o rendimento é maior.

 

6. Leve toalha

Para evitar que o suor escorra no rosto e atrapalhe o rendimento, a toalha é essencial. Foto: Shutterstock

Para evitar que o suor escorra no rosto e atrapalhe o rendimento, a toalha é essencial. Foto: Shutterstock

Ter uma toalhinha por perto ajuda a controlar a transpiração. Como o treino é intenso, o suor costuma ser forte. É importante manter as mãos e a testa secos para evitar escorregões ou irritação nos olhos.

 

7. Ajuste o banco

O banco da bicicleta de spinning deve ser ajustado de acordo com a altura de cada aluno. Foto: Shutterstock

O banco da bicicleta de spinning deve ser ajustado de acordo com a altura de cada aluno. Foto: Shutterstock

Antes de começar a aula, fique ao lado do banco e o posicione na altura do osso do quadril. Depois de sentar, o joelho deve ficar um pouco flexionado em relação ao pedal. A distância entre o banco e o guidão deve ser a medida do antebraço. Quando sentado, seu joelho não deve ultrapassar a linha da ponta do pé.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros