Muitos pais buscam uma fórmula mágica para acalmar os pequenos em seus momentos de frustração. A boa notícia é que ela existe. O calming jar é uma ferramenta inspirada no método Montessori, usado para relaxar crianças depois de momentos de tensão. Com ele é possível que as crianças encontrem a paz e estejam mais preparadas para ouvir o que o papai ou o professor tem a dizer.

calming jar shutterstock doutissima
O pote da calma, calming jar, nada mais é do que um frasco com líquido e muito glitter. Foto: Shutterstock

 

Calming jar é inspirado no método Montessori

O calming jar (pote da calma, em tradução livre) é um método que pode ajudar muitos pais que não sabem mais o que fazer para dar tranquilidade aos filhos pequenos. Ele é útil em ocasiões nas quais a criança se sente um pouco estressada ou chateada e precisa ter alguns minutos para se acalmar.

 

Essa ferramenta tem como base os ensinamentos do método Montessori de educação, desenvolvido no início de 1900 por Maria Montessori para educar crianças pobres em sua cidade natal na Itália. Ele foi testado por mais de 100 anos, tendo sucesso em diversas culturas ao redor do mundo.

 

Trata-se de uma visão da criança como alguém naturalmente ansiosa por conhecimento e capaz de iniciar o aprendizado em ambiente adequado e cuidadosamente preparado. Essa abordagem valoriza o desenvolvimento do pequeno em diversos campos – físico, social, emocional e cognitivo. É por isso que muitas atividades e ferramentas são capazes de ajudar pais e professores.

 

Um estudo publicado na revista Science e desenvolvido por pesquisadores da Universidade da Virginia, nos Estados Unidos, sugere que crianças que frequentam as escolas Montessori podem ter uma vantagem sobre as demais em termos de desenvolvimento acadêmico e social.

 

Como o método ajuda a criança a se acalmar?

O calming jar nada mais é do que um frasco com líquido e muito glitter. Basta agitá-lo para criar um pouco de magia. É uma maneira simples de chamar a atenção da criança para o momento presente. Pode ser útil para ensiná-las a ter algumas respirações profundas, enquanto concentram-se no pote da calma. Tente ficar perto delas e tranquilizá-las nesse momento.

 

Quando a criança está inconsolável ou envolvida em outras atividades, normalmente ela sente que o mundo está girando fora de controle. Pois esse método é capaz de servir como uma “âncora visual” para trazê-la ao foco. Ela pode agitar o frasco e isso fornece algo calmante – e menos destrutivo que bater ou chutar.

 

Enquanto ela segura a garrafa e observa a queda do brilho, consegue organizar e centralizar o sistema nervoso. Como os batimentos cardíacos aceleram quando há respiração rápida, a queda lenta do glitter ainda é capaz de servir como um modelo visual para que inconscientemente esses processos sejam desacelerados e retardados.

 

Depois que o pequeno estiver mais calmo, ele estará melhor preparado para explicar a razão da tristeza ou da raiva que sente. Há muitas variações para preparar o calming jar em casa, mas há uma versão bastante simples de fazer.

 

Serão necessários um vidro ou garrafa transparente, dois tubos de cola glitter, um pote de glitter, algumas gotas de corante para alimentos e água morna. Basta adicionar tudo no pote ou garrafa. Dê uma boa sacudida para os materiais e misturarem bem. Pronto, agora já é possível usar esse método em casa.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


DEIXE UMA RESPOSTA