Amor e Sexo > Sexualidade

Por que não? 6 dicas para transar menstruada

Por Debora Stevaux 25/06/2018

Por que não transar menstruada? Muitas mulheres não gostam de manter relações sexuais no período por uma série de fatores, mas também existem aquelas que nunca tentaram e têm curiosidade. Isso porque ter um momento a dois ‘naqueles dias’ pode te ajudar a aliviar o estresse, mas é claro que como tudo nessa vida, também implica em suas desvantagens.

Nem todo mundo gosta de transar menstruada, no entanto, muitas mulheres simplesmente descartam a ideia por não conhecer as vantagens e desvantagens. (Foto: iStock)

Obviamente que você não precisa fazer se não se sentir confortável pela presença do sangue, frequência das cólicas ou até mesmo pelas alterações de humor que acontecem durante a menstruação. Algumas mulheres, inclusive, preferem transar nos últimos dias do período porque o fluxo está bem menos intenso. E para que você saiba se quer ou não ter uma relação sexual quando se ‘está de chico’, listamos abaixo 6 dicas sobre o assunto:

Leia mais: Por que não ser adepta da depilação íntima feminina?

6 dicas para transar menstruada

O sangue e os outros fluidos aumentam a lubrificação

Sim, isso é verdade. Durante esse período, a vagina tende a ficar mais úmida devido a passagem do sangue e outros fluídos durante a menstruação. Tudo isso funciona como lubrificação natural e facilita muito no momento da penetração. Não tenha nojo do seu próprio sangue e não aceite comentários depreciativos por parte do seu parceiro ou parceira durante o sexo. Menstruar é normal e caso ele tenha nojo ou repulsa de sangue, é claro que não merece transar com você.

Veja também: Os perigos de usar hidratante e óleo de coco como lubrificante caseiro

A libido pode aumentar ou não, dependendo de cada mulher e do momento de cada ciclo

A libido e a percepção do prazer são coisas que variam muito de acordo com cada organismo. Porém, como se trata de um processo hormonal, no começo do ciclo, os níveis de progesterona aumentam quando comparados com o de estrogênio no corpo feminino, o que acaba por reduzir a libido.

Quando ocorre o processo de ovulação, geralmente na metade do ciclo, a tendência é que aconteça o movimento inverso, elevando a concentração de estrogênio no corpo, o que acaba por favorecer a libido na maioria dos casos.

Não podemos deixar de citar aqui que as mudanças hormonais interferem diretamente no humor, então existem dias que as mulheres não querem interação social com ninguém, e claramente não vão querer transar nessas circunstâncias emocionalmente instáveis.

Leia mais: 7 dicas para se proteger e fazer um sexo lésbico seguro com sua parceira

Coloque uma toalha ou um pano fofinho por baixo caso o fluxo esteja intenso

Essa é a melhor saída para você não sujar a roupa de cama. E mesmo que o fluxo não esteja ou seja normalmente tão intenso, o pano servirá como precaução para não manchar o lençol ou até mesmo o colchão.

Dá para receber sexo oral menstruada? Com o coletor sim!

Você já ouviu falar em coletor menstrual? Uma das inúmeras vantagens do copinho é justamente evitar vazamentos por ‘pegar pressão’ dentro da vagina, o que acaba por tornar o sexo oral possível e sem sangue. No entanto, ele precisa ser retirado antes da penetração.

Veja também: 6 dicas para não errar na hora de comprar o vibrador feminino ideal para você

Cuidado com doenças sexualmente transmissíveis (DSTs)

Sempre use preservativo durante as relações sexuais, isso porque o contato direto com o sangue favorece (e muito) a transmissão ou a contaminação por doenças sexualmente transmissíveis.

Prefira posições mais confortáveis para você

Posições como o clássico ‘papai e mamãe’, cavalgando, de quatro com o quadril um pouco mais para cima, enfim. Prefira a posição em que você se sentirá mais confortável porque afinal de contas é você que precisa de maior atenção, apoio e carinho nesse momento e seu parceiro ou parceira precisam entender isso.

Leia mais: 6 dicas para fazer sexo oral em mulheres


Sites parceiros