Especialidades

Má circulação: sintomas, causas e tratamento

Por Redação Doutíssima 10/02/2014

A má circulação é caracterizada pela passagem dificultada do sangue pelas veias e pelas artérias. Ela é causada pelo acúmulo de gordura nas paredes das artérias. Quando isso ocorre, elas ficam endurecidas e estreitas fazendo com que a circulação do sangue seja bem mais lenta. A contração ou vasoconstipação das artérias periféricas aumenta a resistência da circulação normal, causando as doenças circulatórias.

má circulação

De acordo com um estudo divulgado pelo Ministério da Saúde, as doenças circulatórias foram as que mais mataram em 2008 no Brasil. Em 2005, foram 283.297 mortes – cerca de 32% dos casos registrados no ano. A má circulação sanguínea é bastante comum entre as mulheres, especialmente as mulheres que estão acima do peso ideal e que tomam pílula anticoncepcional regularmente. “Elas têm maior tendência a desenvolver varizes em comparação com os homens, provavelmente devido ao estrógeno” analisa o angiologista e cirurgião vascular José João Lopes.

 

Tire suas dúvidas e compartilhe experiências no nosso espaço Saúde em nosso fórum de discussões.

 

Sintomas de má circulação

Os primeiros sinais de má circulação incluem dor ou cansaço nos pés, pernas e nádegas, quando estão sob esforço. Os sintomas geralmente desaparecem com o descanso.

má circulaçãoA dor volta quando se usa as pernas ou os pés, que podem sofrer de inchaço ou dor. Outros sintomas incluem mudança na cor das pernas, feridas nos pés que não cicatrizam e alterações nas unhas.

As pessoas que sofrem de má circulação também podem sentir os pés frios, um sinal de que o fluxo de sangue diminuiu.

Quem possui má circulação nas pernas possui grandes chances de desenvolver um coágulo sanguíneo, também conhecido como trombose venosa profunda.

Outros sintomas que o paciente pode notar são varizes, pele seca e escamosa, sensação de formigamento nas pernas e tornozelos inchados.

má circulação

Tratamento:

O tratamento para má circulação sanguínea pode ser realizado com a ingestão de alimentos que ajudam na circulação como pimenta caiena, alho, ginkgo biloba e gengibre. Você também pode seguir orientações simples como:

  • Beba de 6 a 8 copos de água por dia.
  • Consuma fibras através de frutas e verduras.
  • Diminua o consumo de bebidas alcóolicas.
  • Pratique exercícios físicos regularmente como caminhadas, corridas, natação ou outros.
  • Mantenha os níveis de colesterol sempre dentro dos limites.
  • Pare de fumar.
  • Não fique muito tempo na mesma posição e faça pausas para esticar as pernas a cada 2 horas.
  • Quando estiver assistindo tv ou no computador, deite-se e apoie os pés em altas almofadas para melhorar o retorno venoso.

Se os sintomas persistirem após 3 meses consecutivos, é importante marcar uma consulta com um cardiologista ou vascular para uma avaliação minuciosa. Em alguns casos ais graves, a má circulação pode causar tromboflebite superficial ou trombose venosa profunda necessitam de um cuidado maior e medicamentos.

Saiba mais:

Saiba quais as causas das varizes

Varizes é também um problema em homens

Pílulas anticoncepcionais podem aumentar o risco de problemas vasculares

Saiba os benefícios da vitamina C contra riscos cardiovasculares

Como ter uma boa saúde com apenas 10 minutos por dia

Inchaço na perna pode ser grave: veja as causas

Saiba as causas das dores nas pernas e pernas pesadas


Sites parceiros