[the_ad_group id="16401"]
Medicamentos

Anabolizantes para aumentar massa muscular oferecem riscos à saúde

Por Redação Doutíssima 28/06/2014

Um alerta para os usuários de anabolizantes: existem efeitos colaterais e o uso indiscriminado pode trazer riscos à saúde. No início, eles podem até parecer um milagre ou uma fórmula mágica, mas o uso de anabolizantes tem consequências graves, apesar de aumentar rapidamente a musculatura.

Riscos dos anabolizantes

Ao usar de forma indiscriminada os anabolizantes, em muitos casos sem orientação médica, o indivíduo poderá ter sérios efeitos colaterais. Dentre eles, está o risco de problemas cardíacos, de aumento do colesterol ruim, de problemas no fígado, de infarto e de derrame, podendo chegar ao câncer.

anabolizantes

Riscos pelo uso de anabolizantes vão desde problemas cardíacos ao câncer. Foto: Shutterstock

Especialistas alertam que essas substâncias não devem ser usadas e não podem ser indicadas nas academias, uma vez que existe a possibilidade de se ganhar massa muscular através de exercício físico e alimentação. Em relação ao câncer, o excesso de hormônios presentes nos anabolizantes, se usados de maneira inadequada, pode estimular o crescimento de células.

Caso uma delas tenha tendência a se transformar em um câncer futuramente ou se a pessoa já possui a doença, os anabolizantes podem incentivar o desenvolvimento do quadro com maior rapidez. Resumindo, podem resultar em um tumor ou acelerar um já existente, com o risco até mesmo de metástase.

Problemas no consumo de anabolizantes

Nas mulheres, o uso de anabolizantes pode ocasionar a desregulação da menstruação, além de poder deixar o pescoço mais largo, o queixo mais quadrado e sua personalidade ficar mais agressiva.

Já nos homens, os anabolizantes podem incitar o desenvolvimento da calvície e a agressividade, com o risco de aumento das mamas e de atrofia dos testículos.

Os efeitos acontecem pelo fato de os anabolizantes serem hormônios sintéticos e, normalmente, derivados da testosterona. Sendo assim, estimulam as células musculares a proporcionam um aumento na absorção de tudo que faz o músculo crescer, especialmente as proteínas.

Efeitos dos anabolizantes

Os anabolizantes aumentam a musculatura e os produtos também estimulam o crescimento de tecidos, como ossos, peles e órgãos, o que pode ocorrer com maior intensidade na fase de crescimento. Por esse motivo torna-se ainda mais perigoso o uso indiscriminado de anabolizantes no período da adolescência. Nesse caso, porque os órgãos podem ficar maiores do que deveriam.

Frequentadores de academias costumam ingerir o GH, hormônio semelhante à testosterona, que é produzido pelo corpo. Esses hormônios, ao serem consumidos pelas pessoas, as tornam mais fortes e diminuem também a massa gorda do organismo.

Anabolizantes para deficiência hormonal

Há casos em que pacientes têm falta de produção natural desses hormônios, por questões genéticas ou adquiridas, e os anabolizantes são prescritos pelo médico. No entanto, é preciso ressaltar a diferença: o médico indicará os remédios em doses muito menores do que as que costumam ser ingeridas por frequentadores de academia.

Dessa forma, os pacientes passam por avaliações clínicas para descartar qualquer incompatibilidade com os anabolizantes e esse cuidado é fundamental para que não ocorram riscos à saúde da pessoa.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima! Clique aqui para se cadastrar!

 

Saiba mais:

Médicos acreditam que anabolizantes teriam prejudicado saúde de Netinho

Saiba mais sobre os riscos dos remédios para ganhar massa muscular

Malhação também possui riscos à saúde

Como aumentar a sua massa muscular

7 Passos para conseguir músculos de verdade

Como aumentar os músculos rapidamente

Como ganhar músculos em casa


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]