Clínica Geral

Saiba quais são os tipos de vacinas mais aplicados em adultos e crianças

Por Redação Doutíssima 13/11/2014

De acordo com o calendário nacional, organizado pela Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm), existem 15 tipos de vacinas diferentes administradas nas crianças de 0 a 10 anos. Quase todas estão disponíveis na rede pública de saúde e são fundamentais para um desenvolvimento saudável. Conheça abaixo algumas delas.

tipos-de-vacinas

Necessidades diferentes de proteção mudam a ordem das listas. Foto: iStock, Getty Images

Tipos de vacinas disponíveis para crianças

– BCG ID

Aplicada logo ao nascimento, em dose única, essa vacina previne a tuberculose.

– Hepatite B

A vacina protege o fígado e é dividida em três doses: uma ao nascer, outra aos 2 meses de vida e uma última aos 6 meses.

– Tríplice Bacteriana (DTPw ou DTPa)

Também administrada em três doses, esse é um dos tipos de vacinas que protege o organismo contra três diferentes bactérias: a difteria, o tétano e a coqueluche. São aplicadas uma primeira dose aos 2 meses de vida, outra aos 4 e a última aos 6, tendo um reforço aos 15 e 16 meses e, mais tarde, com 4, 5 e 6 anos de idade.

– Rotavírus

Feita entre os 2 e 6 meses de vida, essa vacina protege contra os vírus que causam diarreia e vômito. É aplicada de 2 a 3 doses, de acordo com o fabricante.

– Pneumocócica conjugada

Previne contra a pneumonia, a meningite e a sinusite. É feita em três doses aos 2, 4 e 6 meses de vida, com reforço aos 12 e 15 meses.

– Poliomielite oral (vírus vivos atenuados)

Um dos tipos de vacinas mais difundidas, é a que previne contra a paralisia total ou parcial. Administrada em forma de “gotinhas”, em dias nacionais de vacinação, ela é feita periodicamente dos 6 meses aos 5 anos de idade.

– Hepatite A

É feita em duas doses: uma aos 12 e outra aos 18 meses de idade. Imuniza contra o vírus HVA, que causa a hepatite.

– Tríplice viral

Essa vacina é considerada vitalícia, ou seja, dura por toda a vida. Previne contra o sarampo, a caxumba e a rubéola. É feita uma primeira dose no primeiro ano de idade e, depois, um reforço entre os 15 meses e o segundo ano.

– Varicela

A vacina contra a catapora é feita no primeiro ano de vida, podendo ter uma segunda dose entre os 15 meses e os 2 anos da criança.

Os tipos de vacinas mais administradas em adultos

Em adultos, alguns dos de tipos de vacinas mais aplicados poderiam ter sido feitos também na infância. Entre elas, quatro têm maior destaque pelas grandes campanhas de vacinação e importância das consequências das doenças que previnem.

– Febre amarela

Podendo também ser tomada na infância, essa vacina deve ser feita a cada 10 anos. Por ser fatal, a febre amarela deve ser evitada, principalmente por quem viaja, já que sua transmissão é feita por um mosquito.

– Influenza

Importante para todos e, em especial, para os idosos, essa vacina previne o vírus da gripe. É anual e pode ser feita em órgãos públicos de saúde.

– Pneumo 23

Recomendada para quem tem mais de 60 anos, esse é um dos tipos de vacinas contra a pneumonia. Somente disponível na rede privada.

– HPV

É a vacina contra o Papilomavírus humano, responsável por tumores no ânus, boca, pele, colo do útero e vulva, sendo transmitido sexualmente. Recomenda-se tomá-la entre os 9 e 26 anos de idade.


Sites parceiros