Sexualidade

Falta de sexo pode trazer impactos negativos em sua rotina

Por Redação Doutíssima 20/11/2014

Seu relacionamento está num marasmo sem fim, e fazer sexo só acontece de vez em quando – e olhe lá? Repense seus atos, fale com seu parceiro e mude isso! Falta de sexo não faz mal só pra relação: afeta o corpo e a mente também.

 

Especialistas afirmam que até a estabilidade emocional pode ser afetada e, com isso, podem surgir problemas psicossomáticos como dores de cabeça e de estômago ou até alteração da pressão arterial.

 

falta-de-sexo

Problemas na cama impactam nossa qualidade de vida de forma negativa. Foto: iStock, Getty Images

Influência da falta de sexo no seu peso

 

Sabe aqueles quilinhos a mais!? Pois é, eles podem estar vinculados à falta de sexo no seu casamento ou namoro. Isso mesmo: como a abstinência não proposital – como no caso dos religiosos, por exemplo –, ela gera ansiedade e nosso cérebro acaba por nos induzir a descarregar os sentimentos com outras práticas. E comer é uma delas. Assim como roer unha, morder a boca ou mesmo arrancar os cabelos.

 

A ansiedade, por sinal, é a principal inimiga das pessoas que passam por esses problemas. Além de provocar os já citados sintomas psicossomáticos, também é a causa para a irritação e tristeza aparentemente sem motivo, crises nervosas, baixa autoestima e até agressividade.

 

Em casos mais graves, a falta de sexo é capaz de gerar um quadro de depressão, isso porque a pessoa precisa de sexo, não consegue e vai acumulando sucessivas frustrações envolvendo o ato.

 

Quando a falta de sexo é problema físico

 

A abstinência sexual nem sempre está relacionada ao querer ou não querer do casal. Ela também pode ser involuntária e estar vinculada a disfunções ou momentos da vida que levam a mulher a não querer fazer sexo.

 

A menopausa, por exemplo, pode causar atrofia na vagina e dor na hora da penetração. Com isso, o cérebro acaba por fazer com que a mulher não sinta vontade de transar com seu parceiro.

 

A incontinência urinária é outro problema que provoca abstinência. Ambas as situações têm tratamento, então não deixe isso mexer no seu relacionamento nem na sua mente.

 

Ajuda de um profissional para combater a falta de sexo

 

Como vimos, a falta de sexo pode provocar uma série de reações no nosso organismo e também afetar a relação. O primeiro passo para resolver essa situação é conseguir identificar onde está o problema.

 

Feito isso, você e seu parceiro podem buscar auxílio de um ginecologista, de um urologista e mesmo de um terapeuta sexual. Com certeza um deles poderá ajudar. Mas lembre-se: a principal ajuda vem de você mesmo. Sair da rotina, viajar, ir a um motel também são atitudes que podem a melhor sua vida sexual.

 

Sexo faz um bem danado

 

Além de normalizar os hormônios responsáveis pelo bom-humor, o sexo também faz bem para pele e para o cabelo. Aquela brincadeira de mau gosto dos seus amigos faz todo o sentido quando vinculam sua pele radiante ao sexo. Pense nisso!

 

Uma relação em que ambos abominam a falta de sexo também tem mais chances de sucesso e passa longe de traição – já que boa parte das puladas de cerca estão vinculadas às dificuldades sexuais do casal. Por isso, amiga, invista na lingerie nova e no salto alto para fazer o coração do gato ir às alturas!

 

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


Sites parceiros