[the_ad_group id="16403"]
Medicina Alternativa > Uncategorized

Arrotos constantes: aprenda a fazer remédios caseiros para preveni-los

Por Redação Doutíssima 15/01/2015

Arrotar é uma resposta absolutamente natural de nosso organismo depois da ingestão de determinados alimentos – embora os arrotos constantes possam ser um tanto quanto constrangedores. Ninguém está livre do problema, já que ele atinge desde as pessoas com pouca idade até idosos – todos buscando expulsar o ar em excesso no tubo digestivo, aliviando assim o abdômen do incômodo.

arrotos constantes

Má alimentação pode contribuir para arrotos constantes no dia a dia. Foto: iStock, Getty Images

Como acabar com arrotos constantes

 

Para acabar com os arrotos constantes, a melhor dica é cuidar a alimentação. Pratos que tenham grãos ou legumes costumam provocar arrotos com mais facilidade, uma vez que possuem substâncias que têm uma digestão difícil – o feijão e a lentilha são um excelente exemplo. Além disso, ter um bom hábito alimentar ajuda: é preciso mastigar bem os alimentos, comer devagar, evitar comidas pesadas, e não simplesmente sentar-se à mesa, devorar o prato de forma rápida e sair em disparada.

 

Remédios caseiros para arrotos constantes

Se você sofre com arrotos constantes e está querendo se livrar desse problema bastante desagradável, confira abaixo alguns remédios caseiros que podem ajudar:

Leite frio

 

O leite frio é um remédio bastante eficiente para diminuir a acidez estomacal, aliviar a sensação de ardência e evitar a formação de gases no estômago. Como são esses gases, formados no estômago, os grandes responsáveis pelos arrotos, essa é uma ótima alternativa para acabar com os arrotos frequentes.

Folhas de Menta

 

Você costuma comer alimentos com bastante tempero? Esse não é o melhor dos hábitos, pois a tendência é um aumento na acidez do estômago que, por sua vez, acaba acumulando e liberando os gases responsáveis pelo arroto com mais frequência.

Melhor opção para atacar esse problema são as folhas de menta, que podem ser mastigadas após as refeições, e aliviam bastante essa acidez estomacal.

Dieta

 

Comer bem é essencial para quem deseja evitar arrotos frequentes. Comidas com taxas elevadas de gordura ou de colesterol, ou alimentos muito temperados, são péssimas escolhas, já que todos eles aumentam a acidez no estômago – o que leva à formação dos gases e sua expulsão via arroto. Sorvetes, cremes e tortas são alimentos que devem ser evitados.

Coma Devagar

 

Diversas pessoas têm o costume de simplesmente devorar a comida, ou seja, comer muito rápido para poupar tempo. Entretanto, para fazer isso, é preciso desprezar a mastigação dos alimentos – que é uma das fases mais importantes da digestão, que acaba não se completando e formando os tão incômodos gases.

Por isso, se você quer uma boa dica para evitar arrotos constantes, coma devagar.

Camomila

 

Em razão das suas propriedades calmantes, que auxiliam a distensão abdominal e a digestão, a camomila é um excelente remédio caseiro para tratar os arrotos indesejados.

Basta misturar 10g de camomila em 500ml de água, colocar em uma panela e ferver por apenas 10 minutos. Quando estiver morna, é possível coar e beber até quatro xícaras diariamente dessa mistura, até que os arrotos sumam.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]