Dica do Nutricionista

Veganway: conheça o suplemento para veganos

Por Redação Doutíssima 01/03/2015

De acordo com a pesquisa IBOPE realizada no Brasil em 2012, 8% da população no país se declara vegetariana. Mais que um regime alimentar baseado exclusivamente em alimentos vegetais, a opção atrai um nicho de mercado. Entre eles o Veganway, suplemento proteico de origem não-animal.

 

veganway

Suplemento para por o corpo em forma sem abrir mão de princípios e estilo de vida. Foto: iStock, Getty Images

 

É nas academias que o uso deste suplemento também é estimulado. No Brasil, há 22 mil academias, o que coloca o país em segundo lugar no mundo quando o assunto é estabelecimentos para manter a saúde física.

VeganWay: boa forma com filosofia alimentar

 

Atrás apenas dos Estados Unidos, os brasileiros se destacam na busca de produtos como o VeganWay que auxilia as pessoas a manter a boa forma sem abrir mão de sua filosofia alimentar.  Tudo porque esse é um suplemento livre de proteína animal.

A matéria-prima desse suplemento, derivada de ervilha e arroz, tem grande aceitação entre os vegetarianos adeptos a exercícios físicos. Custa em média R$180 e, desde seu lançamento, em agosto de 2014, já rendeu a seu criador, o empresário Beto Loureiro, mais de um milhão de reais.

Com um objetivo claro de promover o mercado da proteína vegetal, o Veganway patrocina atletas e mostra que, ao contrário do que muitos pensam, o desempenho dos que adotaram essa alimentação não é inferior ao de outros.

Os tipos de suplementos VeganWay

Para a fabricação da PeaProtein VeganWay, pesquisadores descobriram que a melhor fonte vegetal de aminoácidos da cadeia ramificada era a proteína constante na ervilha. Essa contém aproximadamente 40% da recomendação diária de Leucina, Valina e Isoleucina, importantes componentes proteicos.

O  PeanProtein se destaca por ser o primeiro concentrado de proteínas feito a partir da Pisum sativum (ervilha amarela), planta com que é rica em Arginina (normalmente encontrada em alimentos de origem animal como frango, lagosta, atum, camarão, salmão) e Lisina, que auxilia no crescimento dos ossos e na formação do colágeno.

Por dose, o PeanProtein fornece, em média, 25g de proteína o que garante a veganos e vegetarianos nutrientes para obter massa magra e energia para enfrentar os treinos. Já o RiceProtein VeganWay tem como base a proteína de arroz integral (Oryza sativa) e fornece 23g de proteínas por dose.

Os benefícios das proteínas

Para quem pratica exercícios físicos, o consumo de proteínas é fundamental. Isso porque o organismo precisa desse elemento para que, durante o esforço físico, não utilize os músculos como fonte de absorção de aminoácidos. Caso isso aconteça, ocorre a redução da massa muscular.

A dieta rica em alimentos proteícos, complementada por suplementos à base de proteínas é essencial para o ganho muscular. Além disso, é necessário no processo de ter corpo mais definido e ajuda na redução de gordura.

Os suplementos, cada vez mais completos e que atendem a um número maior de pessoas – como os vegetarianos, por exemplo – garantem aos praticantes de esportes potencializar, constantemente, os efeitos dos exercícios e, com isso, ter um corpo mais saudável, definido e bonito.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


Sites parceiros