Clínica Geral

Cartão Nacional de Saúde ganha versão digital: saiba como funciona

Por Redação Doutíssima 28/08/2015

Desde a última quinta-feira, 27 de agosto, o Ministério da Saúde disponibiliza a versão digital do Cartão Nacional de Saúde do Sistema Único de Saúde (SUS). Trata-se de um aplicativo que busca reunir todas as informações sobre o paciente, de forma organizada e de fácil acesso.

O aplicativo Cartão SUS Digital já pode ser baixado em celulares com sistema Android.

cartao nacional de saude shutterstock doutissima

Aplicativo, chamado Cartão SUS Digital, disponibiliza ferramentas importantes para o paciente. Foto: Shutterstock

 

Cartão Nacional de Saúde: como funciona

Após baixar o aplicativo do SUS no celular, o paciente deve informar dados como o CPF, a data de nascimento e um endereço de e-mail. Dessa forma, é possível registrar dados e acrescentar informações adicionais como, por exemplo, o tipo sanguíneo e os profissionais com os quais a pessoa já consultou.

A ferramenta possibilita, também, que o paciente armazene resultados de exames rotineiros, como os de pressão e glicemia. O propósito de manter registrados todos esses dados no aplicativo é garantir um acompanhamento mais eficaz da saúde do paciente, o que poderia resultar em um melhor atendimento às pessoas que utilizam a rede pública de saúde.

Além de conter o número do cartão, o aplicativo poderá armazenar informações panorâmicas sobre a saúde do paciente: Índice de Massa Corporal (IMC), alergias alimentares ou a medicamentos e lista de remédios de uso prolongado. A medida também busca reduzir os custos destinados à produção do cartão plástico.

“Vamos aperfeiçoar cada vez mais o aplicativo de modo que seja possível ampliar a oferta de serviços disponíveis através da ferramenta, como a busca de serviços de saúde com auxílio de mapas, alerta de consultas marcadas na rede pública e até solicitar marcação de consultas pelo aplicativo”, explicou o ministro da Saúde, Arthur Chioro. 

 

O app deverá possibilitar, também, maior controle sobre as alterações na saúde do paciente. Uma das funcionalidades é a presença de gráficos com os últimos registros da pressão mínima e máxima do paciente. 

O que muda com a versão digital

O Ministério da Saúde informa que o Cartão Nacional de Saúde é um instrumento que tem como propósito possibilitar a vinculação dos procedimentos executados no Sistema Único de Saúde (SUS) entre usuários, médicos e unidades de saúde.

Por isso, ao solicitar o cadastro na rede pública de saúde, o paciente deve informar dados como CPF, RG e data de nascimento. Esse processo gera um número nacional de identificação, através do qual os profissionais da rede podem ter acesso ao histórico do paciente de forma confiável.

Para se cadastrar, a pessoa precisa comparecer a um hospital, clínica ou posto de saúde da rede pública. O paciente registrado no SUS recebe o cartão impresso, em uma versão plástica. A proposta do digital é acabar com a necessidade do cartão físico.

No entanto, a nova versão do Cartão Nacional de Saúde não dispensa a apresentação de um documento com foto no momento da consulta. Ou seja, ao comparecer no posto de saúde, o paciente precisa apresentar um documento de identificação com CPF e RG.

É importante reiterar, também, que o aplicativo de acesso à versão digital do Cartão Nacional de Saúde ainda não está disponível para download na Apple Store. Isso significa que os usuários de Iphone ainda não têm acesso à ferramenta. De acordo com o Ministério, o app estará disponível nesse sistema a partir de novembro.

Os usuários do sistema Android já podem fazer o download do aplicativo através da Play Store. O Ministério da Saúde aponta que, segundo o Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), 68,4 milhões de pessoas utilizam a internet por meio de um smartphone no Brasil e, por isso, a versão digital será democrática.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 

 

É fã do Doutíssima? Acompanhe o nosso conteúdo pelo Instagram!


Sites parceiros