A união da meditação às refeições pode ser a solução para os problemas causados por maus hábitos alimentares. A técnica mindful eating exige atenção plena ao exercício de se alimentar e traz benefícios para a saúde e para a mente.

O que é mindful eating

O termo mindful pode ser definido como consciente, quando você está totalmente concentrado e focado em uma determinada tarefa ou momento. Trazer esse conceito para a alimentação é uma maneira de estar ciente do que você come e uma forma de aproveitar melhor as refeições.

mindful eating
Técnica que exige atenção durante as refeições promove melhor relacionamento com a comida. Foto: Shutterstock

Uma publicação da Harvard Medical School cita que o mindful eating é capaz de auxiliar quem tem problemas de peso e também melhorar a escolha dos alimentos para opções mais saudáveis. Essa conscientização da alimentação, trazida através do foco no momento, inclui perceber a cor, o aroma, o sabor e a textura do que se come.

Livrar-se de distrações auxilia no processo de aproveitamento do momento. Essa concentração e atenção nas refeições permite entender melhor os sinais do corpo em relação aos alimentos, inclusive o momento exato em que a fome não está mais presente, dando lugar à saciedade.

Um estudo realizado com 150 pessoas que se alimentavam compulsivamente avaliou os efeitos de terapia e da técnica de mindful eating no comportamento dos participantes. Ambas tiveram efeitos positivos na redução da compulsão, mas a segunda promoveu uma relação mais agradável entre indivíduos e a comida.

Como adotar o mindful eating

A National Eating Disorder Association, dos Estados Unidos, lista algumas dicas importantes para trazer o mindful eating para o dia a dia.

1. Preste atenção nos alimentos

mindful eating
Uma forma de aproveitar melhor as refeições é prestar atenção no que vai ser ingerido. Foto: Shutterstock

Desligue o piloto automático: preste atenção no que come.

2. Tenha consciência

mindful eating
Saborear os alimentos presentes no prato é uma forma de prestar atenção nas refeições. Foto: Shutterstock

Esteja consciente de cada mordida e mastigação, saboreie cada pedaço, cada mistura de sabor feita no garfo e sentida na boca. Inspire os aromas dos alimentos e note as diferentes texturas.

3. Fique atento às refeições

mindful eating
Ao se alimentar, o uso de celulares pode atrapalhar a concentração durante as refeições. Foto: Shutterstock

Livre-se de distrações como celular ou televisão e dispense seu dom de realizar muitas tarefas ao mesmo tempo. Esteja totalmente presente no momento da alimentação.

4. Perceba se a fome ainda está presente

mindful eating
Para evitar a compulsão alimentar, é preciso estar consciente do objetivo da comida. Foto: Shutterstock

A cada momento, perceba se você continua com fome. Estar consciente do efeito da comida no organismo, o de suprir a necessidade de nutrientes e energia, vai permitir que você coma melhor e não de maneira impulsiva. Alimente-se apenas até sentir-se satisfeito.

5. Mantenha a mente limpa

mindful eating
Na hora das refeições, evite ocupar a mente com pensamentos negativos ou preocupações. Foto: Shutterstock

Livre-se de pensamentos e preocupações que trazem aspectos negativos para o momento. Se eles aparecerem, deixe que eles venham e passem, sem que você dê atenção. O foco é no seu bem-estar no momento de comer.

6. Aprenda a lidar com as escolhas

mindful eating
Para ter uma relação melhor com os alimentos, é preciso estar ciente das escolhas feitas. Foto: Shutterstock

Não fale sobre dietas ou sobre não estar se alimentando direito. Você faz suas próprias escolhas, então lide com elas de maneira positiva. Se não é fácil com o que você tem no prato, faça opções mais saudáveis na próxima refeição.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 

 

É fã do Doutíssima? Acompanhe o nosso conteúdo pelo Instagram!


DEIXE UMA RESPOSTA