Especial Casamento

Anéis de compromisso: conheça o significado de cada aliança

Por Redação Doutíssima 06/11/2015

O uso de um anel pode ter inúmeros significados. Mas não é à toa que os anéis de compromisso têm esse nome. Eles simbolizam a união e o sentimento mútuo de amor, entrega e comprometimento entre duas pessoas. Por isso, se você e seu parceiro estão pensando em investir no acessório, vale a pena conhecer as possibilidades.

A escolha de um anel de compromisso é cercada de tradições. O uso da aliança, por exemplo, é um costume de origem egípcia. No Egito, o anel simboliza o laço matrimonial, pois é um círculo que não tem fim ou começo, representando, assim, a eternidade. Já o anel de noivado é uma invenção americana, que se espalhou por diversos países.

anéis de compromisso istock getty images doutíssima

Uso da aliança é um costume de origem egípcia que se espalhou pelo mundo todo. Foto: iStock, Getty Images

Como escolher anéis de compromisso?

Apesar do costume do anel ser antigo, não há mais tantas restrições em relação ao modelo e ao material da peça. “As tradições vêm se atualizando de acordo com o comportamento de cada cultura”, destaca o especialista em ouro Márcio Tamai.

“Antes era quase obrigatório o uso de alianças de ouro amarelo para selar o matrimônio. Hoje temos diversas cores, inclusive para o anel de noivado, que está em alta”, explica ele. Segundo Tamai, antes e após a oficialização do casamento, o casal têm muitas opções para usar anéis.

A escolha deve estar relacionada, em primeiro lugar, ao estilo do casal. Os mais discretos devem optar pelos modelos delicados, finos e românticos. Já casais ousados podem escolher peças com detalhes em ouro e prata. Há também os modelos clássicos e básicos, sem muitas aplicações. Opções não faltam para atender aos diferentes gostos.

Modelos de anéis de compromisso

Se você estiver em dúvida sobre qual é o anel ideal de acordo com a fase do relacionamento, Márcio conta com algumas dicas:

Aliança de compromisso

A aliança de compromisso é uma opção para casais que ainda não noivaram, mas querem simbolizar sua união. Ela é geralmente confeccionada em prata e utilizada no anelar direito. Atualmente, também há variações com detalhes em ouro e gravação de nomes nas alianças.

Anel de noivado

“Os anéis de noivado, em alguns países, são usados na mão direita para, no ato do casamento, serem colocados na mão esquerda”, explica Tamai. Na cerimônia, então, ele pode ser usado como aliança de casamento, ou no dedo médio.

“Há também quem use o anel somente no período de noivado na mão direita, para depois substituir por um anel de casamento. É comum o homem oferecer à mulher o anel de noivado no momento do pedido de casamento”, relembra o especialista.

Nos Estados Unidos, a preferência é pelo diamante. Mas vale lembrar que é possível investir em outras pedras, como safiras ou esmeraldas.

Anel de casamento

Na cultura brasileira, segundo Tamai, o mais comum é que os casais utilizem o mesmo anel de noivado no casamento. O diferencial é que dias antes da cerimônia, os anéis de noivado são levados à joalheria, para que sejam polidos e gravados com o nome dos noivos e o dia em que a união será consagrada.

“Assim, os casais sobem ao altar sem alianças e então passam a utilizá-las na mão esquerda. Não existe etiqueta para o uso do anel de noivado após o casamento. Algumas mulheres mais criativas até usam como pingente”, lembra o especialista. Por isso, o importante é permanecer fiel ao seu estilo.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


Sites parceiros