Guia do Câncer > Saúde > Slider Home

Novo estudo relaciona câncer de próstata e tamanho da cintura

Por Redação Fortíssima 03/06/2016

A obesidade é um fator de risco para uma série de problemas, inclusive o câncer de próstata. É o que indica nova pesquisa da Universidade de Oxford, na Inglaterra. O levantamento, feito com 140 mil homens de oito países europeus, concluiu que Índice de Massa Corporal (IMC) elevado e uma cintura com mais de 94 cm aumentam em 13% as chances da doença.

A pesquisa acaba de ser apresentada na Cúpula de Obesidade Europeia, na Suécia, e mostra o resultado de uma análise de 14 anos sobre as medidas corporais masculinas. Durante o período, ocorreram cerca de sete mil casos do câncer de próstata, 934 deles fatais.

Obesidade x câncer

A análise dos dados mostrou que, em homens com 10 cm a mais do que o ideal na circunferência abdominal, as chances do desenvolvimento de um tipo mais agressivo da doença aumentavam o equivalente a 13%. No entanto, a pesquisa britânica não indica exatamente como essa ligação ocorre.

Especula-se que entre as causas estariam os hormônios causadores do câncer de próstata, que se encontram presentes nas células de gordura. Não há comprovação científica, mas já existem outros estudos sobre o tema.

A relação entre o excesso de peso e uma série de doenças é observada de perto pela comunidade científica. Em 2014, um estudo britânico publicado na revista inglesa The Lancet relacionou o sobrepeso e a obesidade ao aumento dos riscos de nada menos que 10 tipos de câncer entre os 22 mais comuns no mundo.

A análise, feita com cinco milhões de pessoas saudáveis, sinalizou que a obesidade eleva o risco de câncer de útero em 62%, de vesícula em 31%, de rim em 25%, de colo de útero em 10% e de tireoide e leucemia em 9%. Também foram notificados aumentos nos casos de câncer de fígado, colorretal, ovário e mama.

Nos casos de IMC menores que 30, na faixa de sobrepeso, o estudo também apontou um grau maior de risco para o desenvolvimento dessas doenças. Atualmente, segundo dados recentes do Ministério da Saúde, 17,9% da população brasileira está obesa e 52,5% acima do peso. Isso representa um crescimento de 23% em relação aos últimos dez anos.

Câncer de próstata

Cintura maior que 94cm eleva risco de câncer de próstata. Foto: iStock, Getty Images

Prevenção do câncer de próstata

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de próstata é o mais comum entre os homens. As estimativas apontam que um em cada quatro homens com idade igual ou superior a 80 anos será diagnosticado com o problema.

A probabilidade de desenvolvimento da doença antes dos 50 anos é baixa, mas isso não exclui a necessidade do monitoramento preventivo. Fazer o exame de sangue e toque retal é obrigatório a partir dos 40 anos. Há ainda outras medidas básicas essenciais para a prevenção da doença.

Dentre elas, os médicos recomendam diminuir o estresse, manter o peso sob controle, adotar uma alimentação saudável e evitar o excesso de gorduras. A prática de exercícios físicos também auxilia. De maneira geral, uma vida equilibrada ainda é a melhor alternativa para evitar doenças.

E você, já adotou medidas preventivas para combater o câncer de próstata? Aproveite e compartilhe o artigo.


Sites parceiros