[the_ad_group id="16403"]
Dica do Nutricionista

Passo a passo: como calcular o IMC e prevenir o sobrepeso

Por Redação Doutíssima 16/09/2014

Estar com sobrepeso não é simplesmente um problema estético. Encontrar-se nessa condição é muito mais do que isso, já que dela decorrem diversos riscos à saúde do ser humano. É isso que faz importante saber como calcular o IMC: o resultado desta operação diz se você está acima ou abaixo do seu peso ideal.

como-calcular-o-IMC

Saber como calcular o IMC ajuda a ficar de bem com a balança. Foto: Shutterstock

Por exemplo, à medida que o índice de massa corporal aumenta, em paralelo aumentam também as chances de sofrer algum problema nas artérias coronárias, sofrer de pressão alta, ter um acidente vascular cerebral, dentre inúmeros outros problemas. Por isso, aprender como calcular o IMC ajuda você a manter a saúde.

 

Mais dicas sobre nutrição e de como perder peso no nosso Fórum Doutíssima

 

Quer aprender como calcular o IMC e, assim, estar atento aos riscos do sobrepeso? Confira abaixo.

O que é o IMC?

O incide de massa corporal (IMC) é uma medida que resulta da associação de dois fatores: o peso e a altura de uma determinada pessoa. Foi um índice criado pelo cientista belga Adolphe Quetelet, e é mundialmente aceito para, a partir do resultado dessa operação, definir se você está acima ou abaixo do seu peso ideal.

Confirma um passo a passo de como calcular o IMC

1. Em primeiro lugar, você deve saber quanto você pesa em quilos. Esse é um dos fatores levados em consideração para o cálculo do IMC.

2. Depois, você também precisa determinar qual a sua altura. Esse é o segundo fator levado em consideração para o cálculo do IMC.

3. Com esses dados em mãos, você pode lançá-los na equação, que é sempre a mesma: você divide seu peso pela sua estatura.

4. O resultado dessa operação, que usa a medida kg/m², deve ser confrontado com uma tabela que irá determinar a classificação de seu estado nutricional.

5. Se o resultado for menor que 18,5 kg/m², você estará abaixo do seu peso ideal. Por outro lado, quando o resultado dessa conta situar-se entre 18,5 e 24,99 kg/m², seu estado nutricional é considerado normal.

Caso esteja entre 25 a 29,99 kg/m², ligue o alerta, porque você estará com sobrepeso. E se for acima de 30 kg/m², o alerta deve ser ainda maior, porque aí você já estará enquadrado no grupo que tem obesidade.

Simplesmente saber como calcular o IMC já basta?

A resposta é negativa. Saber como calcular o IMC talvez não seja tão eficaz para pessoas idosas e crianças. Os idosos, por exemplo, são considerados saudáveis quando seu índice de massa corporal está entre 25 e 27 kg/m² – ou seja, o índice difere da tabela padrão acima.

Além disso, às crianças a aplicação da tabela não é o método mais recomendável para controlar o peso: o ideal é falar com uma nutricionista ou uma pediatra.

Aliás, caso você tenha alguma dúvida, a recomendação é procurar um profissional especializado, que poderá fazer um cálculo mais apurado, levando em conta outras particularidades que você apresente e que fujam à objetividade do cálculo.

De todo modo, não há dúvida da importância de saber como calcular o IMC. Através de um controle desse índice, podemos ao menos ter uma ideia de como anda nosso estado nutricional e assim ter consciência de quando estamos avançando para uma zona perigosa.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]