[the_ad_group id="16403"]
Clínica Geral

Saiba mais sobre a candidíase no homem: sintomas e tratamento

Por Redação Doutíssima 09/01/2014

O homem pode adquirir dois tipos de afta: na boca (o “sapinho”) e candidíase peniana. Cada uma desses tipos de aftas tem sintomas evidentes que são possíveis de serem reconhecidos e tratados. Eles podem ser desagradáveis e causarem dor.

candidíase masculina

A candidíase oral masculina é um dos tipos mais comuns da doença. Foto: Shutterstock

Candida albicans

Cândida albicans é um fungo diploide natural da boca e da pele e que vive juntamente com bactérias boas. O uso excessivo de antibióticos ou corticoides pelo homem é a causa da proliferação deste fungo ou levedura. Outros fatores que contribuem para a doença são uma dieta pobre, água clorada e estresse. Este excesso de cândida pode reduzir as bactérias naturais naquelas áreas, causando infecções e inflamações na forma de aftas. O sistema imunológico debilitado, como nos diabéticos, torna-os propensos a candidíase devido aos seus níveis altos de glicose.

.

Sintomas da candidíase oral

.

Na boca, os sapinhos aparecem, geralmente, como manchas brancas ou amareladas e cremosas na cavidade oral ou na língua. Essas lesões podem causar dor, mas nem sempre. Quando são esfregadas, sangram e ainda podem formar pequenas rachaduras nos cantos da boca. As papilas gustativas, ocasionalmente, são afetadas. O tratamento das aftas na boca é feito através de antifúngicos na forma de pastilhas ou em comprimidos.

candidíase masculina

O tratamento para candidíase oral masculina é simples e pode ser feita até mesmo com remédios caseiros. Foto: Shutterstock

 Complicações da candidíase oral

A candidíase oral pode afetar a garganta de um homem ou até mesmo seu esôfago dificultando o processo de deglutição. Em outros casos, a pessoa tem a capacidade de engolir, mas pode sentir uma sensação de que é incapaz de conduzir o alimento para baixo. As úlceras podem ser um problema para os homens com esofagite devido a aftas na boca. As suspensões orais são necessárias no tratamento da candidíase que se espalha para a garganta ou para o esôfago. 

.

Candidíase peniana

.

A candidíase peniana, também conhecida como balanite, provoca uma inflamação na cabeça do pênis. Este tipo de afta geralmente provoca o aparecimento de manchas vermelhas e, ocasionalmente, algum corrimento. A área pode ser branca, escamosa e extremamente pruriginosa. O odor amiláceo, muitas vezes, acompanhar esta condição. Os homens não circuncidados podem ter um acúmulo, sob seu prepúcio, pois há maior dificuldade na limpeza. Esse tipo de candidíase pode ser transmitido sexualmente. A medicina prescreve cremes antifúngicos para tratar essa condição.

Prevenção e solução da candidíase

Uma dieta adequada, incluindo muitos vegetais e várias frutas por dia, é uma maneira de prevenir as aftas penianas e orais. Os vegetais e as frutas têm vitaminas e minerais que ajudam a manter as células da pele saudáveis. O homem também pode se beneficiar de exercícios e higiene adequada como banhos de chuveiro regularmente e ter tempo extra para limpar embaixo do prepúcio. O uso de preservativos evita que a cândida se espalhe para suas parceiras.

candidíase masculina

A candidíase peniana também é comum e seu tratamento é simples e rápido. Foto: Shutterstock

Variação na temperatura

A variação na temperatura ambiente, particularmente quando há ondas de calor extremas e bruscas, pode gerar cansaço e mal-estar até o corpo se adaptar à mudança. Nos dias mais quentes, gasta-se mais energia para manter o corpo na temperatura normal (37ºC aproximadamente). O organismo responde imediatamente através da transpiração, que “refresca” a pele através da retirada de calor. Além disso, a pressão sanguínea cai e dilata as veias, fazendo o coração trabalhar mais para transportar o oxigênio. Os sintomas tendem a passar conforme o corpo se acostuma às altas temperaturas, mas é bom sempre ficar atento a outras complicações que o verão pode trazer.

Desidratação

A desidratação é uma das causas mais comuns de fadiga, indisposição e tonturas. No verão, o corpo pode perder muito líquido através do suor e, caso não haja uma reposição adequada, pode ocasionar sintomas como boca seca, dores de cabeça, enjoo, pouca urina de cor amarela escura, cansaço corporal e abatimento (causando olheiras e pele sem elasticidade). É muito importante beber ao menos dois litros de água por dia, em especial quando estiver muito calor. Repositores de eletrólitos, como as bebidas esportivas, também ajudam a diminuir os sintomas. No caso de desidratação grave, é importante buscar ajuda médica o mais rápido possível para que a reidratação seja feita de forma adequada.

candidíase masculina

O tratamento deve começar assim que forem observados os primeiros sintomas. Foto: Shutterstock

Excesso de sol

O excesso de calor nos dias abafados e a incidência direta do sol podem causar hipertermia, condição que eleva a temperatura corporal a mais de 40ºC. Esse problema é especialmente perigoso para crianças, idosos e pessoas com pressão alta e pode ser ocasionado por insolação ou excesso de abafamento. A hipertermia gera exaustão extrema, dor de cabeça, batimento cardíaco acelerado, pele avermelhada e seca ou excessivamente suada, calafrios, tontura, enjoo e confusão mental. No caso de longa exposição ao sol ou ao calor, é importante buscar acompanhamento médico imediato. Para evitar a hipertermia e a insolação, proteja-se do sol e do calor na sombra e mantenha-se sempre hidratado.

Problemas de sono

A insônia é um sintoma da fadiga causada pelo excesso de calor menos nocivo, mas igualmente incômodo. Tentar dormir em um ambiente muito abafado ou durante o verão pode ser frustrante. De acordo com estudos, temperaturas acima de 25ºC dificultam a manutenção do sono, causando insônia. E, mesmo que você consiga dormir no calor, o sono não será tão reparador quanto em temperaturas mais amenas. Por causa do sono leve ou da insônia, fica muito mais difícil se concentrar e ter energia no dia seguinte. Durma com ventiladores ligados e mantenha sempre um copo d’água e uma toalha úmida por perto para se refrescar quando for dormir.

candidíase masculina

A candidíase masculina pode surgir quando a imunidade do homem está enfraquecida. Foto: Shutterstock

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]