Guia do Sexo Anal

Lubrificação é fundamental para sexo anal sem dor

Por Redação Doutíssima 01/11/2014

Se você evita o sexo anal por considerá-lo uma prática dolorosa, talvez não saiba que é possível que ele se torne prazeroso e indolor, desde que seja feita uma lubrificação adequada. Tenha em mente que qualquer tipo de relação sexual pode resultar em dor caso não seja executada da maneira correta. Ou seja, se dói é porque algo está errado.

lubrificação

Sem o uso de lubrificante, sexo anal pode provocar dor. Foto: iStock, Getty Images

Antes de iniciar qualquer tipo de estímulo anal, é necessário saber que esta região é muito mais sensível que a vagina e, por isso, precisa de mais cuidados e uma preparação especial. Além disso, alguns acessórios na hora do sexo podem ajudar aumentar a lubrificação, que é fundamental para que tudo aconteça sem nenhum tipo de desconforto.

Se você está pensando em fazer sexo anal, mas tem medo da dor ou se machucar, conheça mais sobre o poder dos lubrificantes, fundamentais para que a relação seja agradável para os dois.

A lubrificação no sexo anal

Durante a excitação feminina, todo o organismo trabalha para facilitar a penetração na vagina. Com isso, ela produz alguns fluidos lubrificantes, que ajudam a entrada do pênis. No sexo anal é diferente, porque o ânus não possui esse tipo de mecanismo para facilitar o sexo.

Mesmo assim, a mulher estar devidamente lubrificada é muito importante para que não seja sentido nenhum desconforto durante a penetração ou qualquer tipo de ruptura na pele do ânus, que é mais sensível que a da vagina.

É para resolver esse problema que existem muitos tipos de lubrificantes no mercado, de vários aromas e até com algumas funções especiais. Esse item é fundamental para a prática do sexo anal, assim como o preservativo. O lubrificante auxilia na penetração, evitando que haja fissuras no ânus – que podem ser portas de entrada para infecções e doenças sexualmente transmissíveis.

Ou seja, a lubrificação por meio desses produtos é fundamental, caso contrário a pessoa, além de não sentir prazer nenhum, sofrerá com desagradáveis dores. Na hora de comprar o produto, dê preferência aos à base de água, principalmente se estiver usando um preservativo de látex.

Outros fatores além da lubrificação

Além de caprichar na lubrificação, outros fatores contribuem para que o sexo anal ocorra sem dor, desconforto ou qualquer tipo de machucado nos tecidos anais.

O primeiro deles é o relaxamento. Se você não estiver nessa condição, os músculos anais ficarão tensos e a penetração será dificultada. Ou seja, quanto mais nervosismo existe, mais dolorosa é a experiência do sexo anal. É por este motivo que muitos terapeutas sexuais indicam que nunca se deve buscar fazer sexo anal para agradar o parceiro, mas somente quando os dois estão plenamente confortáveis com a ideia.

Outro fator muito importante, além do lubrificante e do relaxamento, é a delicadeza e velocidade da penetração durante o sexo anal. O movimento deve ser sempre calmo e constante para conseguir alcançar o prazer. Com a lubrificação adequada e sempre buscando o momento certo para iniciar a penetração, é totalmente possível ter sexo anal e obter todo o prazer que ele podem proporcionar.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


Sites parceiros