Remédios Caseiros

Aprenda a fazer remédios caseiros para tratar a depressão

Por Redação Doutíssima 16/11/2014

Irritabilidade, ansiedade, desânimo e pessimismo são alguns dos sintomas da depressão. O distúrbio altera as químicas cerebrais dos afetados, principalmente os neurotransmissores como a serotonina, responsável pelo humor. Muitas vezes, os elementos psicológicos e sociais são consequência e não causa da doença. Aprenda remédios caseiros para amenizar ou prevenir esse mal.

depressão

Sintomas da depressão podem ser amenizados com remédios caseiros. Foto: Shutterstock

Chás para combater a depressão

Comece tomando todos os dias o chá de hipericão, também chamado de erva de São João. Ajuda a restaurar o sistema nervoso, agindo como um antidepressivo natural. Ferva duas gramas de folhas e galhos secos de hipericão em um litro de água. Espere amornar, depois coe e beba de três a quatro xícaras por dia. Adoce a gosto.

Outro chá eficaz para depressão é a erva cidreira, ou melissa. Suas folhas ovais e rugosas possuem efeito tranquilizante e combatem a insônia e problemas digestivos e intestinais. No preparo, coloque uma colher (chá) das folhas picadas da planta em infusão em uma xícara de água fervente. Depois de 10 minutos, coe e beba o chá três vezes ao dia.

Sucos, nozes e grãos contra a depressão

O suco de espinafre com agrião minimiza os sintomas da depressão.Isso porque o espinafre, que contém substâncias como potássio e vitamina A, ajuda a estabilizar a pressão e certificar o funcionamento do sistema nervoso. Já o agrião é fonte de vitamina B6, que favorece o recebimento de serotonina no sistema nervoso, maximizando a sensação de bem estar, além de melhorar o humor e a concentração.

Separe 100 gramas de espinafre, 100 gramas de agrião e 200ml de suco puro de laranja. Leve tudo ao liquidificador e bata até ficar homogêneo. Adoce como quiser e tome em jejum durante dez dias. Repita esse processo a cada três meses. O suco de laranja, somado a receita, aumenta os benefícios nutricionais e ajuda a adoçar e dar um gosto mais agradável.

Rico em selênio e ômega 3, a castanha-do-pará reduz o estresse, amenizando a depressão. O recomendado é a ingestão de duas a três unidades da semente por dia. Nozes e amêndoas possuem ação semelhante.

Nesse caso consuma cinco unidades de nozes ou 10 unidades de amêndoas diariamente. Sementes de linhaça também ajudam, melhorando as funções cerebrais. Pode ser comida misturada à comida ou em sucos.

Laticínios e mel

Iogurtes e queijos ajudam a eliminar a tensão e manter o nervosismo e a irritação sob controle. Rico em aminoácidos ramificados, o iogurte ainda aumenta o bom humor e fortalece a memória. Os queijos mantêm o bom funcionamento cerebral, devido ao triptofano, fosfato de cálcio e magnésio.

Você ainda pode comer um ovo por dia, que irá ajudar na produção de neurotransmissores, além de colaborar com o bom humor.

O mel também é recomendado como tratamento caseiro para depressão,por estimular a serotonina. Duas colheres (chá) misturadas a um copo de água por dia são suficientes. A melancia, abacate, mamão, banana, tangerina e limão também agem melhorando o humor e devem ser consumidas diariamente.


Sites parceiros