[the_ad_group id="16403"]
Medicina Alternativa

Aprenda a fazer remédios caseiros para aliviar dor nos olhos

Por Redação Doutíssima 12/12/2014

Por representarem uma das áreas mais sensíveis de nosso corpo, os olhos necessitam de atenção redobrada. Muitos agentes interferem no seu bom funcionamento, causando lesões, inflamações, irritações, vermelhidão e até perda da acuidade visual. Uma dor nos olhos, por si só, talvez não signifique doença, mas certamente é indício de algum desequilíbrio orgânico.

dor-nos-olhos

Com hábitos saudáveis é possível evitar problemas nos olhos. Foto: iStock, Getty Images

Algumas vezes, trata-se apenas de cansaço ocular por déficit de sono, excesso de iluminação artificial, má alimentação, estresse ou ainda grau equivocado dos óculos. Mesmo assim, é desaconselhável ficar na dúvida – o ideal é que o motivo da dor nos olhos seja diagnosticado junto a um oftalmologista.

 

O que a dor nos olhos pode indicar

 

A dor nos olhos pode ser gerada por inúmeras causas, desde insignificantes, que não exigem tratamento, até muito graves, quando pode ser sintoma de uma patologia severa, a exemplo de diabetes ou dengue.

 

Quando se trata de algo esporádico, sem muita intensidade, em geral a dor nos olhos pode ser resolvida em casa, através de receitas popularmente conhecidas. A maioria delas é bem simples e acessível a qualquer pessoa, conforme veremos adiante.

 

Eliminando a dor

 

A forma mais comum de aliviar a dor nos olhos é através de compressas, sejam de água fria ou soro fisiológico. Lembre-se de manter os olhos fechados e cobertos com um pano umedecido, longe da luz. Chás de camomila, urtiga, malva, tansagem, gergelim, girassol, arruda e limão também são úteis para realizar compressas e banhos nas vistas, pois contribuem para a circulação sanguínea.

 

Outra boa opção é massagear a nuca com óleo de oliva e bálsamo da vida. Argila também pode ser aplicada, preferencialmente à noite. Óculos de sol são eficazes para evitar a entrada de vento, poeira e microrganismos nos olhos, prevenindo que o quadro se agrave. Adote-os.

 

Matenha o hábito de piscar periodicamente. Essa ação auxilia a espalhar a umidade produzida pelas glândulas lacrimais. A cada hora diante do computador ou outros aparelhos eletrônicos, faça uma pausa de cinco minutos. Do contrário, inevitavelmente seus olhos ressecarão e tendem a doer.

 

Prevenção

 

Mantenha pelo menos 25 cm de distância da tela do computador, assim como de TVs e outros estímulos artificiais. Ao usar celulares, procure locais com iluminação adequada. Assim você estará evitando o ressecamento dos olhos e o esforço excessivo de todo o sistema ocular.

 

Adquira o hábito de usar sua própria saliva para massagear os olhos. Muitos problemas relacionados a sujeira, bactérias e corpos estranhos são evitados com essa medida simples. Não utilize colírios a todo momento, ainda mais sem prescrição médica. Em excesso, eles mais prejudicam do que auxiliam e podem causar lesões. Prefira o soro fisiológico, que garante a assepsia sem riscos.

 

Evite dormir com cremes, maquiagens ou óleos nas pálpebras. Eles podem escorrer para dentro dos olhos e causar complicações. Inclua na sua dieta alimentos como linhaça, azeite de oliva e peixes como salmão e atum. Eles são ricos em ômega 3 (óleos saudáveis) e podem prevenir diversos males da visão.  

 

Outros vegetais favoráveis à saúde ocular são a cenoura, que fornece vitamina A (essencial para a visão noturna), e o mirtilo, ótimo para a irrigação dos vasos ópticos.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]