[the_ad_group id="16401"]
Cabelos

Babylights: colorir os cabelos de leve é tendência

Por Redação Doutíssima 18/12/2014

Uma novidade nos salões está fazendo literalmente a cabeça das mulheres. A nova técnica promete iluminar os cabelos de forma suave e natural e já caiu no gosto de muitas celebridades. É o babylights! Como o nome já diz, a técnica visa recriar as luzes naturais presentes nos cabelos das crianças, provocadas pela exposição ao sol. Quem não quer?

 

As antigas mechas bem marcadas, a febre das luzes californianas, a moda do ombré hair deu lugar a nova queridinha da temporada, a babylights. Além do nome fofo, o efeito no cabelo é muito bonito.

babylights

Suavidade é o mote da técnica que vai lhe devolver os cabelos de bebê. Foto:  iStok, Getty Image

 

Para fazer babylights, inspire-se em você mesma

 

Quer ter uma ideia de como fica? Que tal pegar suas fotos de infância, especialmente as do verão, e conferir como era lindo o seu cabelo com delicadas mechinhas douradas? É isso. A técnica se baseia nesta naturalidade de um tom mais claro apenas para iluminar o visual.

 

A moda de colorir os cabelos com a técnica da babylights já virou moda entre as atrizes, modelos e cantoras internacionais, como Taylor Swift, Jeniffer Aniston e Karlie Kloss – todas já loiras.

 

Mas engana-se quem pensa que a técnica de babylights privilegia apenas as loiras. As lindas morenas Megan Fox e Jéssica Biel apostam na técnica para dar um tom mais iluminado aos seus cabelos. Por aqui, a técnica também já conquistou celebridades como a  atriz Christine Fernandes.

 

O grande diferencial desta técnica é usar tinta para fazer as mechinhas e não descolorante. Assim, o tom escolhido para fazer a mecha será semelhante ao da cor natural. Especialistas garantem que o uso do descolorante é necessário apenas em casos pontuais e, mesmo assim, utiliza-se água oxigenada 10 volumes para não danificar os fios.

 

Babylights têm processo de luzes tradicionais

 

A técnica para aplicar a babylights é o mesmo das luzes tradicionais, pode ser feito com touca ou papel. O papel ou plástico permite que o profissional acompanhe mais facilmente a evolução da cor no cabelo da cliente. Porém, as mechas devem ser bem finas e no máximo dois tons mais claras que o cabelo natural.

 

O cabeleireiro pode ainda optar por alternar dois tons semelhantes de mechas, para deixar os cabelos ainda mais iluminados como os cabelos de uma criança. Já que a ideia é dar um toque de naturalidade aos cabelos, manter a hidratação dos fios é fundamental.

 

Outra vantagem desta técnica, é que além de agredir muito menos o cabelo que as mechas ou luzes tradicionais, a manutenção é muito menor. Para garantir o efeito iluminado nos cabelos o ideal é fazer um retoque a cada 4 ou 5 meses.

 

Mesmo que o cabelo não exija manutenção de cor, é importante fazer tratamentos que garantam a saúde dos fios. Então faça hidratações, use máscaras e ampolas recomendadas pelo seu cabeleireiro.

 

Se o seu cabelo tende a amarelar, shampoos específicos para eliminar o amarelado podem ser intercalados com o seu shampoo tradicional. Se você usa muito o secador ou a chapinha, aplique sempre um protetor térmico para manter as pontas saudáveis.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]