[the_ad_group id="16401"]
Dieta

Faça a dieta Tao e emagreça sem abrir mão do que você gosta

Por Redação Doutíssima 25/04/2015

A dieta Tao é diferente de tudo o que você já viu em planos de perda de peso. Existem várias vertentes da dieta taoísta e cada uma delas prega seus próprios ensinamentos sobre o que comer e o que evitar. O que elas têm em comum, todavia, é a crença que sua dieta é essencial não só para a saúde física, mas também para o bem-estar emocional e espiritual.

 

Embora seja comumente considerado como uma religião, o taoísmo, fundado por Lao Tzu no Século VI a.C., é mais uma tradição filosófica chinesa focada em estar em harmonia com tudo o que existe. A dieta é extremamente importante para os taoístas, já que sua prática envolve a manutenção do equilíbrio em todas as áreas de sua vida e a tentativa de prolongar a existência.

dieta tao

Dieta Tao busca o bem-estar emocional e espiritual do indivíduo. Foto: iStock, Getty Images

Dieta Tao: ênfase em grãos integrais

A dieta Tao consiste em ingerir 50 a 70% de grãos integrais, 20 a 30% de vegetais e 5 a 10% de alimentos de origem animal ou de feijão, de acordo com o mestre taoísta Mantak Chia, fundador da Organização Internacional Universal Healing Tao. Os produtos que contêm pouco ou nenhum valor nutricional são evitados, tais como produtos de farinha branca refinada e açúcar.

 

O doce é necessário para harmonizar com os outros quatro sabores – salgado, azedo, amargo e picante -, sendo obtido a partir do sabor de grãos que melhoram a digestão, de acordo com Shashi, instrutor de cura universal Tao. O arroz integral na dieta Tao, entretanto, não é indicado para crianças ou idosos que não conseguem digeri-lo, nem para os praticantes avançados.

 

Frutas e verduras: só orgânicos

As frutas orgânicas e os legumes sazonais são importantes para a dieta Tao. As ameixas são indicadas, assim como o repolho e as raízes vegetais como nabo, beterraba e couve-nabo, que adicionam doçura à dieta.

 

Por outro lado, frutas tropicais, com exceção do mamão, devem ser evitadas porque são consideradas muito ácidas. O abacaxi e as laranjas, porém, devem acompanhar a maioria das refeições, de acordo com Mantak Chia, porque ajudam na digestão.

 

Como preparar os alimentos na dieta Tao

Os alimentos na dieta Tao devem ser cozidos no vapor ou em uma panela wok, usando óleo de milho, cártamo ou óleos de soja. O azeite de oliva é considerado pesado demais para cozinhar, mas é usado em saladas. O alimento servido quente, como sopas, guisados ​​e cozidos, tem preferência sobre os alimentos e bebidas frias, com exceção de saladas.

 

Produtos lácteos, queijos, carne vermelha, e todos os outros alimentos que contêm gordura, além das frutas cítricas saturadas, são considerados de difícil digestão e, portanto, devem ser evitados.

 

Sobremesas doces, segundo a filosofia, são capazes de retardar a circulação da energia no corpo. Especiarias são raramente usadas porque também são consideradas difíceis de digerir.

Aos bebês, o leite é trocado pelo caldo feito com ossos de frango, de acordo com Mantak Chia. Para os outros indivíduos, o leite é substituído por folhas verdes e algas.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]