Cabelos

Veja 4 tipos de coque para você fazer em casa

Por Redação Doutíssima 19/05/2015

Investir em tipos de coque pode ser uma opção para aquele dia em que você acorda com o cabelo oleoso ou volume, e não há possibilidade de você sair de casa com os fios soltos. O penteado é simples, rápido e estilo. Além disso, atualmente há vários coques para fazer em casa.

 

É interessante lembrar que, ao longo da história, o coque sempre foi um poderoso aliado da beleza feminina. Já na Grécia Antiga as mulheres investiam em pequenos coques como penteado. Na Inglaterra, a rainha Elizabeth I usava os cabelos presos em coque, pois as golas altas a impediam de deixar o cabelo solto.

tipos de coque

Investir em coques pode ser opção para quando você não quer usar cabelo solto. Foto: iStock, Getty Images

Atualmente, os coques segue em alta. Segundo as tendências exibidas na última edição da São Paulo Fashion Week (SPFW) – que terminou em abril -, vários tipos de coque foram usados nas passarelas pelas modelos. O penteado foi protagonista nos desfiles de grifes como Água de Coco, Patrícia Motta e Alexandre Herchcovitch.

Aprenda a fazer diferentes tipos de coque em casa

Há opções básicas e ousadas, tudo depende da sua habilidade com os fios. É possível criar coques laterais, altos, com menos ou mais volume, com franjas soltas ou presas. Essa é a grande vantagem dos tipos de coque: eles são democráticos e combinam com praticamente todos os estilos.

1. Coque com volume

Sabia que com alguns truques é possível fazer um coque volumoso em casa? Para isso, prenda bem todo o cabelo em um rabo de cavalo alto. Em seguida, separe mechas do rabo de cavalo para desfiar com um pente fino.

Na hora de desfiar, coloque a mecha para cima e passe o pente várias vezes na direção da cabeça, em movimentos rápidos para baixo. Ao terminar esse processo, todo o comprimento do rabo de cavalo deve estar desfiado.

2. Coque romântico

O coque romântico combina com um visual leve e gracioso. Para fazê-lo, basta separar duas mechas de cabelo na frente da orelha e prender o resto do cabelo em um rabo de cavalo, na altura da nuca ou um pouco acima dela.

Para finalizar, basta enrolar o rabo de cavalo em formato de coque e prender com grampos. O toque final são as mechas de cabelo soltas, que você deve enrolar e puxar para trás, prendendo junto com o coque.

3. Coque com gel

O coque com gel é mais ousado, mas pode ser feito tranquilamente em casa. O ideal é investir no penteado com o cabelo úmido e molhado, pois esse é o aspecto fashion do look.

O penteado deve ficar mesmo com um aspecto “comportado”, sem nenhum fiozinho fora do lugar.

4. Coque desfiado

Dentre todos os tipos de coque, esse é o mais simples de fazer. Basta prender o cabelo em forma de coque, de preferência com um elástico que seja transparente ou da mesma cor do seu cabelo.

Para dar o efeito despojado, a dica é utilizar os dedos ou um pente fino para puxar algumas mechinhas para fora do coque.

Cuidados com os tipos de coque

Para garantir um look bacana, não basta apenas investir em algum desses tipos de coque. Uma boa dica para manter o penteado ao longo do dia é aplicar um pouco de spray para finalizar o visual.

Além disso, é necessário ponderar se determinado coque realmente fica bem com o seu cabelo, dependendo do formato dos fios. Se estiver na dúvida, peça a opinião do cabeleireiro.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros