Se você está sentindo seu cabelo ralo e mais fino do que normalmente, saiba que isso acontece com muitas mulheres. Principalmente se elas fazem muitos procedimentos químicos nos fios, sofrem com queda capilar ou estão atravessando a menopausa. Entretanto, com algumas dicas simples, é possível tratar o problema.

 

Principais causas do cabelo ralo

É normal perder uma certa quantidade de cabelo, porque cada folículo piloso produz cerca de 20 novos cabelos durante seu tempo de vida. Quando um fio de cabelo atinge seu crescimento máximo, ele cai e dá lugar a outro.

cabelo ralo
A anemia e o estresse podem causar queda dos fios de cabelo em muitas pessoas. Foto: iStock, Getty Images

Por outro lado, à medida em que envelhecemos, nosso cabelo também pode perder o volume. Não se deve confundir essa situação com perda de cabelo, já que na realidade o que ocorre é que o diâmetro dos cabelos é que fica menor. Existem, ainda, outras causas para o cabelo ralo. Veja algumas delas:

 

1. Anemia

É uma causa normalmente esquecida. Se estiver perdendo cabelo, faça um exame de sangue para verificar seus níveis de ferro.

 

2. Tireoide

Pessoas que submetem-se a dietas com frequência podem ter alteração na função da tireoide. E problemas na tireoide são capazes de impactar em seu cabelo, aumentando a queda dos fios.

 

3. Falta de proteínas

As proteínas são essenciais para formação de queratina, principal componente do cabelo. Por isso, inclua carne, ovos, queijo, nozes e peixe em sua alimentação.

 

4. Falta de vitaminas

As vitaminas do complexo B, especialmente a B5, são importantes para o crescimento, a elasticidade e a força dos fios. Ricas fontes dessa vitamina incluem ovos, nozes, feijão e pão integral.

 

5. Gestação

Muitas mulheres experimentam perda de cabelo depois de terem um bebê, em razão dos altos níveis de estrogênio presentes durante a gestação.

 

6. Genética

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), o cabelo ralo pode ser algo genético. Nas mulheres, manifesta-se como um afinamento do cabelo sobre a maior parte do couro cabeludo.

 

7. Estresse

É capaz de ocasionar repentina queda de cabelo, especialmente em pessoas que têm uma suscetibilidade genética.

 

Cabelo ralo: o que fazer

Sabendo as causas do seu cabelo ralo, é possível buscar a ajuda médica necessária para resolver o problema. Caso não as identifique, tente nutrir os fios e o couro cabeludo para conseguir um cabelo mais cheio e volumoso. Confira algumas dicas para isso:

 

1. Escova

cabelo ralo
Escova de cabelo de má qualidade pode prejudicas os fios e causar queda. Foto: Shutterstock

Verifique se sua escova de cabelo tem áreas ásperas. É possível que elas danifiquem as cutículas.

 

2. Cremes

cabelo ralo
Quem tem cabelo com tendência a ondular deve passar creme antes de dormir. Foto: Shutterstock

Se você tem cabelo com tendência a ondular, use um creme antes de ir para a cama. Ao acordar estará com o cabelo ondulado, que dá uma aparência de maior volume.

 

3. Tintas

cabelo ralo
Prefira as tinturas mais claras quando perceber que está com cabelo ralo. Foto: Shutterstock

Quando pintar o cabelo, mantenha tons naturais e evite cores escuras – essas enfatizam o pouco cabelo em seu couro cabeludo.

 

4. Corte curto

cabelo ralo
Opte por um corte curto e raízes em um tom mais escuro para disfarçar. Foto: Everett Collection, Shutterstock

Se você tem cabelo curto, dê destaque para as pontas. Para isso, deixe as raízes mais escuras. Seu cabelo parecerá mais cheio. Entretanto, evite fazer muitas camadas em seu cabelo, já que isso acentua a aparência de cabelo ralo.

 

5. Mechas e luzes

Evite mechas ou luzes no cabelo porque evidenciam ainda mais o problema. Foto: Shuttershock
Evite mechas ou luzes no cabelo porque evidenciam ainda mais o problema. Foto: Shutterstock

É verdade que mechas e luzes dão a aparência de um cabelo mais grosso, mas elas têm a tendência de deixar os fios mais delicados. Portanto, tente não fazer esse tipo de procedimento com frequência.

 

6. Hidratação

cabelo ralo
Tratamentos como a hidratação sempre ajudam a combater o problema. Foto: Shutterstock

Faça máscaras caseiras. Para um tratamento de cabelo com proteína, o melhor ingrediente é o ovo. Por outro lado, o azeite de oliva é capaz de nutrir o couro cabeludo e aumentar a circulação sanguínea, bem como evitar a queda do cabelo.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA