Qualidade de vida

Saiba como limpar banheiro e mantê-lo longe de bactérias

Por Redação Doutíssima 19/10/2015

Saber como limpar banheiro de casa é essencial para evitar a proliferação e contaminação de bactérias que causam doenças no trato intestinal e até mesmo no sangue. É preciso estar atenta aos objetos do ambiente e aos hábitos de uso para que todo trabalho não sobre somente para uma pessoa. Confira 3 dicas para deixar o banheiro higienizado.

3 dicas sobre como limpar banheiro

Ao mesmo tempo que você procura o banheiro para realizar necessidades fisiológicas, ele também é um espaço de higienização, onde você escova os dentes, lava as mãos e toma banho.  

como limpar banheiro istock getty images doutíssima

Um dos primeiros cuidados na hora de limpar o banheiro é usar luvas. Foto: iStock, Getty Images

Por isso, a atenção com a limpeza e manutenção do local está ligada diretamente com a prevenção de doenças causadas pelos micro-organismos. As mãos são os principais agentes de transmissão, então uma das primeiras dicas sobre como limpar banheiro é usar luvas.

 

1. Dê descarga com a tampa fechada

Pode parecer inútil, mas esse conselho muda o quanto de sujeira você espalha pelo banheiro sem perceber. Você provavelmente apenas lava as mãos após puxar a descarga, o que já caracteriza o botão como um local sujo.

Fechar a tampa, afastar toalhas, sabonetes e escovas de dentes de perto do vaso evita que as bactérias se espalhem ainda mais pelo ambiente.

 

2. Limpe o vaso sanitário com frequência

Pelo menos duas vezes na semana, pegue o balde, as luvas, a água sanitária e higienize o vaso. Você também pode usar aquelas pastilhas para perfurmar, mas saiba que elas apenas disfarçam cheiros. A limpeza sempre será necessária.

 

3. Utilize os produtos certos

Não há como limpar banheiro sem recorrer primeiro a água sanitária e água fervente. Fique atenta aos rótulos de sabão em pó, saponáceo, detergente e desengordurante, pois esses só serão eficientes contra os micro-organismos se apresentarem quaternário de amônio, cloro, formol ou álcool com concentração de 70% ou mais.

Como se proteger das bactérias

Os micro-organismos encontrados no intestino e pele, chamados enterobactérias, são aqueles transmitidos por meio do contato. São responsáveis por causar infecções urinárias e gastrointestinais, e também de pele, como abscessos e furúnculos.

Para evitar a proliferação de bactérias, lave as mãos antes de abrir novamente a porta do banheiro. Mantenha maçaneta limpa, sem gorduras ou impurezas. Caso você deixe a escova de dentes na pia, procure dar a descarga de tampa fechada e de higienizar a escova antes de usar.

Observe o tempo de uso das toalhas de banho e de rosto. Quando os tecidos ficam úmidos, sujos e em contato com o ambiente do banheiro por muito tempo, tendem a abrigar bactérias e fungos indesejados. Ou seja, de nada adiantará lavar as mãos se for secá-las em uma toalha não tão limpinha.

Procure trocar as toalhas de rosto, compartilhadas pela família, pelo menos duas vezes na semana. Para as de banho, prefira que seu uso seja individual e troque por outra limpa pelo menos três vezes na mesma semana. Ambas as toalhas devem sempre estar estendidas em local com boa ventilação.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


Sites parceiros