O fim do ano se aproxima e, com ele, o espírito natalino toma conta dos lares. A decoração e a escolha da árvore de Natal representam um momento simbólico, além de uma oportunidade para a família se reunir para relembrar histórias, ano após ano. Mas para usufruir plenamente desse período de festividades, é importante ter alguns cuidados.

Antes de escolher sua árvore de Natal, é essencial considerar o tamanho da casa. Para que a decoração fique adequada, ela precisa estar proporcional em relação ao ambiente. Por isso, as salas amplas clamam por árvores mais cheias, enquanto as menores combinam com as mais estreitas. Harmonia é fundamental.

árvore-de-natal-instagram-reproducao-doutissima
Leve em consideração o tamanho da casa antes de escolher o tamanho na árvore de Natal. Foto: Instagram, Reprodução

Dicas para escolher a árvore de natal

Na tradição cristã, a árvore de Natal é um símbolo de paz, vida, alegria e esperança. Ao considerar isso, pense duas vezes antes de optar por uma árvore natural. Se quiser levar o pinheiro autêntico para dentro de casa, certifique-se de fazer a compra em um local onde, após as festividades, seja possível replantar.

Dessa forma, você coloca em prática o espírito natalino e transpõe uma mensagem ecológica aos seus filhos. Vale lembrar, também, que hoje é possível adquirir réplicas muito bem feitas de pinheiros belga, californianos e canadenses. Eles podem ser reaproveitados a cada ano, o que representa uma boa alternativa financeira.

Em relação ao tipo de árvore, há tanto opções curtas e com ramos espessos, quanto mais altas com ramos separados. A estrutura também varia: além do desenho tradicional, com base bem larga, vale considerar opções simétricas da base ao topo, ou até no formato “guarda-chuva”, em que o volume fica na parte de cima.

Em caso de dúvida sobre o tamanho do pinheiro, vale a pena seguir uma orientação pontual.  A dica é: se a altura da sala for inferior a 2 m, a árvore pode ter, no máximo, 1,70 m. Já se o teto for superior a 2 m, vale optar pelo tamanho de 2,10 m, que normalmente é o maior disponível para compra.

A escolha do modelo só deve ser feita a partir da definição do local onde a árvore vai ficar. É importante optar por um espaço que não prejudique a circulação das pessoas pela casa e que tenha acesso próximo às tomadas, caso as luzes coloridas estejam incluídas no planejamento da decoração.

Saiba como decorar o pinheiro

A escolha do modelo de árvore de Natal da família é uma decisão muito pessoal e deve combinar, especialmente, com o estilo de seus integrantes. Mas o que garante um pinheiro exclusivo não é apenas o seu formato, mas sim a maneira como ele será decorado. É isso que faz esse símbolo natalino ser tão especial.

Na hora da decoração, a imaginação deve rolar solta. Bolas natalinas, guirlandas, adornos em formato de estrela e folhas de louro no topo da árvore são apenas algumas das opções. Uma boa dica é combinar enfeites vermelhos e prateados, ou apostar na cor dourada como destaque.

As crianças também podem auxiliar com a decoração. Vale lembrar que alguns enfeites podem ser feitos manualmente: estrelas com garrafas recicladas e recortes de papai-noel confeccionados pelos pequenos deixam a árvore ainda mais simbólica e especial.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!