Sexualidade

Descubra 8 fatos desconhecidos sobre o pênis

Por Redação Doutíssima 31/10/2014

É difícil explicar muitas coisas relacionadas ao sexo, pois esse é um assunto um tanto complexo. Não é somente uma questão de desejo e física, mas muito mais que isso. Há muitas coisas sobre o pênis, por exemplo, que até mesmo os homens desconhecem.

pênis

O pênis é um órgão sexual mais misterioso do que você pode imaginar. Foto: iStock, Getty Images

Saiba mais sobre o pênis

Tamanho, diâmetro, potência, resistência… São apenas alguns dos tópicos polêmicos que podemos mencionar sobre o pênis. Você está achando tudo isso exagerado? Então confira, abaixo, alguns fatos que você talvez desconheça sobre o órgão sexual masculino.

Veja 8 fatos desconhecidos sobre o pênis

1. Ereção prolongada

Conseguir segurar uma ereção por bastante tempo pode ser um ótimo atributo sexual em muitos homens, mas permanecer nessa condição por tempo demais não é uma boa. O que você precisa saber é que, em alguns casos, isso não significa potência, mas sim priapismo.

Trata-se de uma ereção longa e com muita dor, que não precisa ser, necessariamente, acionada por um estímulo sexual. Caso o homem não consiga fazer com que o pênis volte ao seu estado normal, a solução será recorrer à ajuda médica para que ele volte à flacidez. A demora em resolver este problema pode deixar sequelas.

2. Tamanho é documento?

O tamanho do órgão é algo que deixa os homens bem intrigados, mesmo que estejam flácidos. Mas o seu comprimento nesse estado não tem necessariamente relação com o tamanho que ele vai atingir quando estiver ereto. Ele pode chegar a um tamanho muito maior, então, não há motivos para preocupação.

Também há situações inversas – aqueles que parecem ser grandes a maior parte do tempo, mas que, durante o estado de excitação, não ficam muito maiores.

3. Pênis quebrado

Pode parecer estranho, mas é verdadeiro. Apesar de não possuir nenhum osso, o pênis pode quebrar. O revestimento dos corpos cavernosos, as membranas, pode se romper. São eles que se enchem de sangue quando o homem está excitado.

Quando a membrana que os reveste é rompida, o sangue vaza para a pele do pênis. Por isso tome cuidado com as relações sexuais mais vigorosas, que são a principal causa de fratura peniana.

4. Pênis encolhido

Outro aspecto que desperta muita curiosidade é por que o membro fica menor e praticamente encolhe no frio. É uma situação normal e acontece com todos os homens. A explicação é que todo o corpo cavernoso, diante de temperaturas baixas, se encolhe para reter calor. O mesmo acontece diante de uma situação de medo ou terror.

5. Aumentar o tamanho

Atenção às propagandas de aumento peniano, que já devem, de alguma maneira, ter chegado até você. Aumentar o tamanho do órgão sexual masculino é impossível, seja qual for o exercício praticado. Ele não possui músculos estriados, diferentemente do que encontramos nos braços ou nas pernas, por exemplo, que podem ser exercitados e ter seu tamanho aumentado.

6. Circuncisão

Outra dúvida bem comum está ligada à circuncisão – a retirada do prepúcio, a pele que recobre a glande, uma prática comum entre judeus e muçulmanos. Quais são as diferenças entre um pênis circuncidado e um normal,com prepúcio?

Médicos concordam que não circuncidados têm mais chance de contrair HIV, por causa de uma camada de células do prepúcio propensa à contaminação. Por outro lado, há quem acredite que os circuncidados são menos sensíveis.

7. Ereção precoce

Estudos dão conta de que as primeiras ereções acontecem ainda quando o homem é um feto, nos três últimos meses de gravidez.

8. Jato

Ao ejacular, o homem pode lançar um jato de sêmen que pode alcançar até 45 km/h.


Sites parceiros