Você sabe o que significa boudoir? Por mais que esse termo possa soar estranho, ele já faz parte do vocabulário francês desde o século XVIII. Há muitos anos essa palavra vem sendo usada para designar os quartos onde as mulheres da nobreza se vestiam ou o local onde as moças esperavam para momentos de diversão e sensualidade com seus amantes.

 

De qualquer forma, boudoir remete à intimidade, delicadeza e sensualidade feminina. Porém, com uma rápida busca na internet, você pode até ficar em dúvida, já que esse termo, hoje, é utilizado para designar duas frentes: quando se fala de moda e de fotografia.

boudoir
Estilo originário da França tem relação com intimidade e sensualidade feminina. Foto:iStock, Getty Images

Como você deve ter percebido, o tema central dessa matéria é a moda, o vestuário. Portanto, explicaremos rapidamente o segundo.

 

As fotografias estilo boudoir são fotos sensuais, geralmente de mulheres, em ambientes aconchegantes como o quarto ou um local íntimo da casa. A sensualidade feminina fica sempre em evidência.

O que é o estilo boudoir?

A tendência francesa deixa aflorar o lado mais feminino das mulheres, valorizando curvas e a estética delicada das roupas íntimas.

 

Segundo o livro de 2010, A essência do estilo: como os franceses inventaram a alta-costura, gastronomia, os cafés chiques, o estilo, a sofisticação e o glamour, a tendência traz a adequação – para o ambiente social – de tudo aquilo que é essencial às roupas íntimas femininas para as peças que usamos à mostra.

O estilo, portanto, pede a combinação sensual de tecidos macios e luminosos com rendas, transparências e outros artifícios usados geralmente nas lingeries. Com peças mais delicadas e íntimas, a sensualidade fica exaltada.

 

Como incluir a tendência boudoir no dia a dia

Se você ficou interessada em incorporar o estilo no seu dia a dia, saiba que laços, rendas e qualquer tipo de detalhe que remeta à lingerie podem aparecer em outras peças de roupa. Não só em peças de roupa: acessórios, calçados, enfeites de cabelo, bolsas etc. Afinal, a premissa é trazer traços da roupa íntima de maneira que fiquem expostos.

 

É possível ousar mais e brincar com transparências, onde a lingerie fica de fato visível. Uma tendência atual que pode ser apropriada ao estilo, deixando perceber lingeries ultra femininas por baixo da roupa.

Outra maneira de incorporar o estilo boudoir é procurar peças, cores e tecidos que remetam ao que se usa em momentos íntimos. Blusas e vestidos de seda leve, alças finas e detalhes em renda remetem às camisolas e trazem o ar de sensualidade para o guarda-roupa.

Outros elementos lembram lingeries: amarrações, plumas, armações (como nos sutiãs e corpetes) e costuras marcadas. A silhueta é sempre bem feminina, valorizando as curvas, mostrando um pouco da pele e atraindo olhares.

Um truque para aderir ao estilo boudoir é procurar, nas sessões de lingerie de grandes lojas, peças que podem ser usadas no dia a dia.

Alguns corpetes e corseletes não precisam ficar escondidos debaixo da roupa e podem ser usados no lugar de uma blusa sem mangas. Shorts estilo baby-doll podem compor looks fresquinhos de verão, seja em casa, na praia ou mesmo na rua.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


DEIXE UMA RESPOSTA