Cabelos

Conheça as soluções indicadas por especialistas para tratar pontas duplas

Por Redação Doutíssima 05/09/2014

O fio do cabelo é dividido em três camadas: medula, córtex e cutícula. Elas são unidas e seladas por meio de proteínas e gorduras produzidas pelo organismo. As terríveis pontas duplas resultam da abertura destas camadas, deixando a estrutura interna exposta. A melhor opção para tratar pontas duplas ainda é cortar as pontas que estão danificadas.

No entanto, existem métodos para tratar pontas duplas ou prevenir que elas apareçam. Algumas técnicas ajudam até a disfarçar o problema, como você verá neste artigo. Vale lembrar que existem vários fatores que destroem as proteínas do cabelo, causando pontas duplas, como tratamentos químicos, uso excessivo de secador, chapinha e sol.

tratar-pontas-duplas

Apesar do corte ser mais indicado, há outras soluções quanto às pontas duplas. Foto: Shutterstock

Cuidados para prevenir e tratar pontas duplas

Para aquelas pessoas que usam tintura, luzes e outras químicas com frequência, o tratamento para tratar pontas duplas deve ser feito no salão. Segundo especialistas, o tratamento deve reconstruir a massa capilar, sendo indicados procedimentos como a cauterização e a reconstrução. Eles devolvem ao cabelo a sua umidade natural, restaurando as proteínas perdidas e hidratando os fios.

Mesmo fazendo procedimentos no salão, você deve tratar pontas duplas em casa, dando continuidade ao trabalho do seu cabeleireiro. Cabelos ressecados e com pontas duplas precisam de hidratação a cada 15 dias, dependendo do estado dos fios. A hidratação pode ser feita com o creme de sua preferência, sempre respeitando o tipo do seu cabelo e as instruções de uso no rótulo.

Outra dica bastante interessante para tratar pontas duplas é evitar os raios ultravioletas. Segundo os dermatologistas, o sol provoca pontas duplas porque agride a proteína cerâmica do cabelo, responsável pela união das camadas.

Quando exposto muito ao sol, o fio acaba não retendo água, deixando o cabelo ressecado, sem brilho e com pontas duplas. Para evitar este tipo de dano, use cremes sem enxágues e protetor solar.

Selar é opção para tratar pontas duplas

As pontas duplas podem ser seladas por um determinado tempo. Os produtos mais modernos existentes no mercado de cosméticos são compostos por polímeros, carregando partículas positivas e negativas que formam um gel. Estas partículas se juntam enquanto o cabelo seca, melhorando o aspecto das pontas duplas.

Segundo os especialistas, o silicone também disfarça e ajuda a tratar as pontas duplas. Ele atua como uma cola que une as escamas da cutícula. O silicone deve ser utilizado após as escovas ou chapinhas, criando uma barreira protetora, além de controlar o frizz e dar brilho. Lembrando que este produto não pode ser utilizado antes, pois pode queimar os fios ou deixá-los menos saudáveis.

Quando cortar é preciso

Se o único remédio é cortar o cabelo e você não quer tirar muito no comprimento, peça para seu cabeleireiro fazer o corte remake. Este corte deve ser feito com os cabelos secos, garantindo que somente as pontas duplas serão eliminadas.

O profissional deve fazer uma espécie de trancinha e cortar apenas as pontas que estão detonadas. Por ser muito minucioso, o corte pode demorar até 40 minutos, sem alterar o corte anterior e sem tirar muito no comprimento.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


Sites parceiros