Dieta

Saiba por que a nova dieta dos pontos conquista adeptas

Por Redação Doutíssima 12/11/2014

Criada há pouco tempo e já considerada uma das dietas mais eficientes, a nova dieta dos pontos está ganhando cada vez mais adeptas. E é fácil explicar o sucesso: nessa dieta, você escolhe o que quer comer e monta o seu prato onde e quando quiser.

nova-dieta-dos-pontos

Perca peso de forma saudável com essa alternativa em dieta. Foto: iStock, Getty Images

A única restrição é que alimentos ricos em gorduras trans devem ficar de fora. Mas você está livre para comer quaisquer outro tipo de comida.

Emagrecimento diferente com a nova dieta dos pontos

Na nova dieta dos pontos se emagrece comendo de tudo. Entretanto existem algumas recomendações, como trocar pães e massas por versões integrais. Os alimentos integrais são ricos em fibras e ajudam com a sensação de aumentar a saciedade. Desse jeito, fica mais fácil controlar a alimentação.

A nova dieta dos pontos esquece as calorias e soma pontos. Cada ponto vale 3,6 calorias. Dessa forma, você não precisa seguir um cardápio pronto e pode comer o que gosta – obviamente com moderação. Para emagrecer, é necessário que diariamente você consuma 320 pontos, que significam 1.200 calorias.

Para não se perder, o recomendado é que você sempre tenha as tabelas com a quantidade de pontos de cada alimento perto de você. O ideal é reservar entre 160 e 170 pontos (50% a 60% do que é permitido no consumo diário) para os carboidratos, como pães, massas, cereais integrais, frutas, legumes e verduras.

Já proteínas – carnes, leite, queijo, iogurte e grãos – devem somar entre 30 e 50 pontos (isto é, entre 10% e 15% do total), e as gorduras (que não sejam trans), até 96 pontos (que equivale a 30% do total diário). Tome cuidado: muitos alimentos industrializados contêm uma grande porcentagem de gordura.

Nova dieta dos pontos depende do controle

Para a nova dieta dos pontos funcionar, você precisa anotar o que come. Faça uma espécie de diário alimentar, colocando todos os alimentos que você consome. Depois do almoço e jantar, sempre some os pontos. Dessa forma, você vai ter noção de quanto ainda tem direito de consumir.

Outra coisa importante é cuidar o peso dos alimentos. Por exemplo, nas principais refeições desconte 15 pontos do tempero utilizado no preparo da comida. Caso você esteja comendo fritura, multiplique os pontos da tabela por 3.

Se for empanado ou à milanesa, multiplique por 4. Ou seja, um bife grelhado possui 56 pontos, mas se ele for à milanesa, os pontos passam a 224.

Caso você ultrapasse a cota, coma menos na próxima refeição para equilibrar. Uma boa dica é consumir um prato de salada antes do principal. A salada é saudável e ajuda na sensação de saciedade, fazendo com que você coma menos.

Acostume-se a comer a cada três horas. Dessa forma você mantém o metabolismo ativo, elimina a gordura acumulada e evita chegar com tanta fome na próxima refeição. Mastigar bem o alimento também é um bom modo de comer menos, já que você vai comer mais devagar.

A nova dieta dos pontos funciona se você tiver disciplina. Cuidar dos alimentos que você está ingerindo e praticar exercícios físicos é o melhor jeito de emagrecer com saúde.

 

 


Sites parceiros