Remédios Caseiros

Faça óleo de hortelã caseiro e conheça seus benefícios

Por Redação Doutíssima 15/11/2014

Uma das ervas mais versáteis, a hortelã tem propriedades para tratar diversas doenças. Pode ser usada de várias formas – a mais tradicional é com o chá. Mas uma das maneiras mais utilizadas é o óleo de hortelã. Ele é excelente para uma massagem no peito, para os casos de dificuldades respiratórias em decorrência de resfriados e gripes, e na cabeça, para tratar dores e enxaqueca.

Aprenda a fazer o óleo de hortelã, que pode ser usado também para tratar dores musculares por meio de massagens.

óleo-de-hortelã

Óleo de hortelã é um poderoso analgésico, que alivia dores musculares. Foto: Shutterstock

Aprenda a fazer óleo de hortelã caseiro

Você vai precisar de duas colheres de sopa de folhas de hortelã, de preferência frescas, e azeite. Para obter o óleo, amasse as folhas e mergulhe-as em azeite logo em seguida. Deixe que descansem por quatro dias e, depois desse período, coloque-as em um vidro bem fechado.

Além de trazer relaxamento para a mente, o banho de imersão com este óleo pode fazer milagres também por sua pele. Ele é indicado para coceiras na pele e para os tratar espinhas e acne. É só você adicionar algumas gotas do óleo à água quente e submergir.

Óleo de hortelã para tratar dores no estômago

A fim de acabar com problemas digestivos, o óleo de hortelã deve ser usado três vezes ao dia. Ponha de duas a três gotas em um copo de água morna e tome bem devagar, em goles pequenos.

Você também pode massagear o abdômen com o óleo em movimentos circulares no sentido horário. Neste caso, o mais adequado é misturar algumas gotas do óleo de hortelã com um chamado óleo base, que pode ser um óleo de amêndoas.

Cuidados com o uso

Apesar de suas excelente propriedades, este óleo tem algumas restrições, que devem ser observadas com muita atenção. Tenha muita cautela para que o óleo não esteja em contato com os olhos ou com as membranas mucosas.

Após cada aplicação as mãos devem ser bem lavadas. As crianças menores de seis anos, inclusive os bebês, podem ter reações que se assemelham à asma quando expostos à inalação dos vapores e do aroma. Por isso, crianças menores de seis anos não devem usar o óleo.

Saiba mais sobre o óleo de hortelã

Rica em minerais como o cálcio, ferro e fósforo, a hortelã é uma planta medicinal que ainda possui vitaminas A, B e C. Foi descoberta ainda na Antiguidade, quando gregos e egípcios passaram a usar o óleo essencial da planta para usufruir de seus efeitos relaxantes e antiespasmódicos. O óleo de hortelã era tido como um remédio natural que curava todos os males.

Energizante para a mente e para o corpo, o óleo de hortelã também é usado em banhos de imersão, protagonizando momentos de encontros consigo mesmo, onde a ordem é colocar a alma em equilíbrio. Não é à toa que ele é tido como um importante ingrediente na indústria cosmética, integrando fórmulas de produtos para limpeza de pele, além de ser um ótimo analgésico, antisséptico e tônico físico e mental.


Sites parceiros