Receitas

Café gourmet: aprenda a fazer espuminha de leite para decorar

Por Redação Doutíssima 09/11/2015

Café gourmet é a bebida do cotidiano em uma versão muito mais sofisticada. Seja uma mudança na apresentação ou até a adição de ingredientes refinados, a gourmetização também chegou no cafezinho de todos os dias.

Gourmetização do café

Quem é adepto do café diário e frequente estabelecimentos para o consumo da bebida já deve ter percebido a gourmetização no bolso. E isso acontece mesmo quando não há nenhum adicional à fórmula de grãos torrados e água quente.

cafe-gourmet-doutissima-istock-getty-images

Não precisa ser barrista para fazer a espuma de leite e deixar o seu café gourmet. Foto: iStock, Getty Images

Mas um dos grandes diferenciais que tornam o café gourmet é aquela espuma cremosa que em mãos habilidosas ganha até desenhos. O design feito pelos baristas é uma ciência complicada e que exige muito treino.

Mas a parte da cremosidade você pode reproduzir em casa sem muito esforço. E também não é preciso de uma cafeiteira de expresso, que usa o vapor da água quente para criar essa camada esbranquiçada que é colocar no topo da xícara.

A espuma é feita de leite, mas intolerantes à lactose não precisam ficar decepcionados: a receita funciona também com o “leite” de soja. Para o preparo, é preciso ter apenas um utensílio: um pequeno mixer manual próprio para bater o líquido até espumar.

 

café gourmet infográfico doutíssima

Como fazer o café gourmet

Enquanto seu café vai passando na cafeteira comum ou a água vai esquentando para misturar com o pó solúvel, coloque um pouco de leite bem gelado em uma caneca. Use o mixer bem na superfície do líquido e bata até formar uma espuma, que fica mais densa se o leite for em versão integral.

Depois é só adicionar a parte cremosa à bebida bem quente e aproveitar seu delicioso café gourmet.

Outras formas de gourmetizar a bebida é variando a qualidade e a origem dos grãos. Os bons conhecedores de café percebem a diferença pelo aroma, antes mesmo de levar a xícara até a boca.

Aprecie o café com moderação

Além do sabor amargo que acaba conquistando paladares, o café é conhecido por alguns de seus benefícios. O mais famoso é a injeção de cafeína no organismo, uma substância que ajuda a manter o corpo desperto e alerta.

Essa mesma cafeína também ajuda com algumas outras funções do organismo. Ela ativa o sistema digestivo ajudando na evacuação, acelera o metabolismo e também quebra as moléculas de gordura para que o corpo queime-as mais facilmente.

O café também tem uma certa fama de mau. Seu consumo elevado já foi associado com diversas doenças, inclusive problemas cardiovasculares. Mas esse mito foi desbancado por pesquisadores da Harvard Medical School. Eles descobriram que quem bebe até cinco xícaras da bebida por dia tem risco reduzido de doenças no coração. Quem ingere mais que isso tem as mesmas chances de quem não é fã do cafezinho.

Mas o café tem sim alguns efeitos colaterais indesejáveis. Por provocar a liberação mais rápida de líquidos, ele causa uma leve desidratação no corpo que pode ser combatida com o aumento do consumo e água.

Outro problema é que a bebida reduz a fixação de cálcio e pode contribuir com o surgimento da osteoporose se ingerido em grandes quantidades. O segredo para saborear a bebida é não exagerar.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 


Sites parceiros