Remédios Caseiros

Confira os melhores analgésicos naturais e caseiros

Por Redação Doutíssima 11/11/2014

A dor é algo que todo mundo tenta evitar, mas de vez em quando somos surpreendidos por uma terrível dor de cabeça, cólicas menstruais, dor muscular ou inflamação das articulações. Nestes momentos, o mais comum é optar por fármacos como a aspirina, o paracetamol ou o ibuprofeno. Mas há, também, uma série de analgésicos naturais que podem ajudar.

analgesicos-naturais

Pimenta é um dos ingredientes naturais que atuam como analgésico. Foto: iStock, Getty Images

Por que optar por analgésicos naturais?

Embora eficazes, as drogas analgésicas possuem várias desvantagens se forem utilizadas frequentemente ou a longo prazo. Todas podem causar problemas digestivos e levar a úlceras pépticas. O ibuprofeno, por exemplo, pode causar uma inflamação no intestino delgado e causar síndrome do “intestino solto“.

Já os analgésicos naturais podem ser feitos com ingredientes que você encontra na sua própria cozinha ou quinta. Eles vão atuar na diminuição da dor de forma natural, sem efeitos colaterais. Veja quais são os principais analgésicos naturais que você precisa ter em casa.

Melhores analgésicos naturais

Pimenta

A capsaicina é a substância que dá à pimenta o seu sabor picante. Em muitas culturas, este alimento é usado na medicina há séculos para aliviar até mesmo a pior dor da artrite.

Em um estudo feito com pacientes artríticos, o uso da capsaicina tópica, encontrada na pimenta, reduziu 80% das dores destes pacientes em apenas duas semanas. É por isso que a capsaicina é um dos ingredientes ativos encontrados em pomadas que ajudam a aliviar a dor da artrite.

Matricária

Esta planta, muito parecida com a camomila, tem sido usada durante séculos para tratar dores de cabeça, estômago e dente e, por isso, é considerada um dos melhores analgésicos naturais. Hoje em dia, também é utilizada para enxaqueca e artrite reumatoide.

O uso desta planta, porém, pode causar alguns efeitos colaterais leves, como aftas e irritação da língua e dos lábios. As mulheres grávidas devem evitar esse remédio.

Açafrão

Esse tempero também faz parte do grupo dos analgésicos naturais, já que pode ser utilizado para aliviar a dor de artrite e azia e para reduzir a inflamação. Não se sabe como o açafrão atua contra a dor ou inflamação, mas algumas pesquisas indicam que pode ser devido a uma substância química chamada curcumina, que tem propriedades anti-inflamatórias.

O uso do açafrão é seguro, mas em doses altas ou o uso a longo prazo pode causar problemas no estômago.

Abacaxi

A bromelina encontrada no abacaxi faz parte de um grupo de enzimas que digerem as proteínas. É também um agente anti-inflamatório e pode ser utilizada em forma de creme para o tratamento de lesões musculares.

A bromelina também alivia dores de cabeça associada à sinusite. Mas seus benefícios não param por aí, pois os estudos também descobriram que pode reduzir a dor, hematomas e inchaço, relacionados com procedimentos cirúrgicos e em mulheres em trabalho de parto.

Uvas

Um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, mostrou que o consumo de uma xícara de uvas diariamente pode trazer o alívio para as dores nas costas. Isso porque as uvas contêm nutrientes que aumentam a circulação sanguínea para a parte inferior das costas, aliviando a dor.

Cravo-da-índia

Um aliado comprovado para a sua batalha contra a dor de dente é o cravo-da-índia, que costuma ser utilizado como um tempero. Você pode usá-lo topicamente sobre o dente e funciona como mágica. A melhor forma de usá-lo é em forma de óleo ou em pó, por isso, vale a pena ter em casa, já que pode proporcionar um efeito anestésico no dente.


Sites parceiros