[the_ad_group id="16403"]
Remédios Caseiros

Acabe com o estresse com métodos caseiros

Por Redação Doutíssima 11/10/2014

O estresse é um dos distúrbios mais frequentes da sociedade moderna. Mas felizmente ele pode ser combatido de diversas maneiras, inclusive com atitudes que estão ao alcance de qualquer um e podem ser tomadas no nosso próprio lar.

estresse

Incluir frutas na dieta e ser organizado ajuda a combater o estresse diário. iStock, Getty Images

A mudança de rotina começa pelo cardápio. Diversos estudos sugerem que aumentar o consumo de alimentos ricos em vitaminas do complexo B intensifica a imunidade e proporciona mais energia ao organismo. Esse hábito alimentar combate o cansaço e diminui a irritabilidade, que, na maioria das vezes, é um sintoma do quadro de esgotamento.

Na próxima vez que você for às compras, portanto, não esqueça de incluir na sua lista de compras alimentos como carne, fígado, leite, queijo e ovos. Vegetais como os de folha escura, gérmen de trigo e levedura, também são ricos em vitaminas do complexo B, ajudando, assim, a combater o estresse.

Frutas para acabar com o estresse

Alguns alimentos, combinados, são verdadeiros suplementos de vitaminas, funcionando como remédios caseiros contra o desânimo e esgotamento. Uma boa dica é misturar à sua vitamina de frutas duas colheres de gérmen de trigo ou uma colher de chá de levedura de cerveja.

Já que mencionamos o universo das frutas, a mais indicada para espantar a irritabilidade é o maracujá. Ele também é uma popular alternativa para tratar a ansiedade e insônia, e há quem compare a eficiência da fruta com a dos benzodiazepínicos, medicamentos usados justamente para tratar o estresse.

Apesar de não haver comprovação científica, acredita-se que o consumo do maracujá aumenta os níveis de uma substância química denominada ácido gama-aminobutírico no cérebro, levando à diminuição da atividade de algumas células do órgão e, consequentemente, relaxando-o.

Outros alimentos saudáveis que fornecem energia para as atividades diárias e melhoram os níveis de humor são os grãos integrais, o mirtilo, o salmão e a amêndoa.

Outras propostas que reduzem o estresse

Mas não é somente a alimentação que deve mudar para aliviar os quadros de estresse. A massagem é uma das alternativas mais utilizadas por reduzir a dor e melhorar a circulação. A meditação vem em seguida e requer apenas de 15 a 30 minutos diários. É o tempo suficiente para que você consiga se concentrar apenas na respiração e organizar os seus pensamentos.

Mas se você gosta de atividades mais intensas, opte por exercícios físicos, que podem funcionar da mesma forma que a meditação, limpando a sua cabeça de pensamentos que o incomodam ou preocupam. A prática de atividades físicas também libera a produção de endorfina no cérebro, resultando em uma importante melhora no humor. De quebra, os exercícios ainda previnem o ganho de peso.

Seja organizado

Além de tudo isso, manter um ambiente e rotina organizados é outra providência que pode garantir uma vida livre de estresse. A organização sugere paz de espírito e calma para tomar decisões.

Revise a sua agenda e elabore listas para lembrar de todas as tarefas. Arrume a casa e dedique um tempo para colocar tudo em seu devido lugar. Pesquisas apontam que ver a desordem deixa as pessoas instáveis, gerando um círculo de falta de planejamento e irritabilidade.

Por último, mas não menos importante, aprenda a ter qualidade no sono. Este é o fator natural mais importante. Pessoas que dormem pouco se tornam irritadas e muito lentas e deprimidas, ou seja: estressadas. A dica é tomar um banho quente antes de dormir, que pode ajudar a acalmar o seu sono.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!


[the_ad_group id="16349"]
[the_ad_group id="16404"]