Dieta > Nutrição > Uncategorized

Dieta Ravenna: os riscos da “Dieta da presidente Dilma”

Por Claudia Mercier 21/01/2015

A “Dieta da Presidente Dilma” virou febre em todo o país depois que a presidente passou a exibir uma silhueta mais fina, após ter eliminado cerca de 6 quilos em poucos dias. Mas o método utilizado pela presidente, faz com que a pessoa recupere rapidamente o peso perdido e pode causar sérios danos ao organismo.

 

Dilma

Dilma Rousseff perdeu 6 quilos em poucas semanas. Foto: Valentina Petrov / Shutterstock.com

 

Ao entrar na cerimônia de posse do seu segundo mandato como presidente, Dilma Rousseff chamou a atenção por ter emagrecido em pouco espaço de tempo. Ela adotou a dieta Ravenna, criada pelo médico e terapeuta argentino Máximo Ravenna, que corta radicalmente o consumo de carboidratos e restringe a ingestão de calorias em, no máximo, mil por dia. A nutricionista funcional Marcela Reis, explica que geralmente esse método proporciona o famoso “efeito sanfona”, onde a pessoa emagrece em pouco tempo, mas volta a engordar rapidamente. “A dieta Ravenna é imediatista, o indivíduo não aprende a comer em porções e combinações adequadas. Ele corta tudo, emagrece, perde massa muscular, fica com o metabolismo lento, e depois tem dificuldade de manter o peso”, pondera a especialista.

 

Carboidratos

A dieta Ravenna corta das refeições todos os carboidratos

 

Os riscos da dieta Ravenna

Marcela Reis explica que a restrição calórica da dieta Ravenna fica no limite do mínimo recomendado pela Organização Mundial da Saúde, que é de mil calorias ao dia. Ele ainda associa a dieta à prática de exercícios físicos. Essa quantidade calórica fica aquém do que qualquer organismo necessita, fazendo com que o corpo elimine água e massa muscular, influenciando diretamente no ritmo do metabolismo. Quando a pessoa se submete ao método Ravenna, ou a qualquer outro método que proporcione a perda de peso em forma de massa muscular, o processo de emagrecimento acaba deixando o metabolismo muito lento. No momento em que ela reentroduz alimentos no seu cotidiano, mesmo que não seja de uma forma exagerada ou calórica, eles vão ofertar mais calorias do que aqueles em que o organismo está gastando. É por isso que a pessoa volta a engordar.

 

Balança

Cuidado com as dietas da moda!

 

Trabalho multidisciplinar

 

O ponto interessante do Ravenna é que o método alia o trabalho de nutricionista, com educadores físicos, e com a parte do acompanhamento psicológico. O trabalho de uma equipe multidisciplinar é imprescindível no processo de emagrecimento. “A gente sabe que as pessoas não comem só para sustentar as necessidades físicas, se fosse assim, não tinham tantos distúrbios alimentares. O acompanhamento psicológico é muito interessante porque ele faz com que a pessoa entenda o porquê que ela come, às vezes, exageradamente, ou deixa de comer”, pondera Marcela Reis.

 

Nutricionista

Procure sempre um nutricionista para te orientar sobre qual a dieta ideal para você.

Emagrecer de forma saudável

Segundo a nutricionista, a melhor forma para emagrecer sem voltar a ganhar peso é fazer uma dieta adequada, que coresponda ao fornecimento de calorias, proteínas, gordura, carboidratos, fibras, vitaminas e minerais, de acordo com que cada organismo precisa. A dieta não pode ser muito restritiva, ela deve sugerir a entrada de determinados alimentos e a diminuição do consumo de outros. “Esse cardápio deve ser elaborado de acordo com as preferências alimentares de cada um, com os horários de cada um, para que você possa ter uma alimentação que seja possível, na prática, ser executada. O método que serve para todo mundo, acaba não servindo para ninguém”, considera a nutricionista. A especialista garante que não existe uma fórmula, um método mágico de dieta que vá resolver o problema de todo mundo. Cada indivíduo tem as suas necessidades e sabe o motivo pelo qual engordou. Cada organismo necessita de uma fórmula específica para promover o emagrecimento.

 

Dietas da moda

Listamos algumas “dietas da moda” que, c0mo o método Ravenna, faz você emagrecer rapidamente e depois voltar a engordar. Procure um especialista para orientar qual o melhor método para o seu organismo.

 

Detox
Fazer uma faxina no organismo e eliminar gordura é a promessa da Detox, dieta da seguida atualmente por várias celebridades. A receita consiste basicamente na ingestão de sucos e sopas. Seguir um cardápio líquido, por exemplo, pode levar à perda excessiva de potássio e de outros minerais.

 

Dieta de passarinho
Comer como um passarinho, ou seja, se nutrir somente de grãos, essa é a receita dessa dieta. A alimentação baseada no consumo de soja, gergelim e linhaça, é pobre em proteína, carboidrato e em muitas vitaminas. A dieta vai certamente levar a perda de massa muscular e, consequentemente, à fraqueza.

 

Dieta do ovo
A dieta do ovo consiste geralmente no consumo de apenas três ovos cozidos por dia, num total de 210 calorias. Especialistas garantem que esse valor calórico pode causar desnutrição, podendo até levar a inanição. Apesar do ovo ser rico em vitaminas do complexo B, esse tipo de dieta resultará na deficiência de todas outras vitaminas.

 

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima!


Sites parceiros