Zen

Chakras: saiba como funcionam esses canais do corpo humano

Por Redação Doutíssima 11/09/2015

Chakras são como discos de energia que organizam a vida dentro do corpo. O conceito é muito utilizado na yoga e outras filosofias e religiões que entendem que o equilíbrio físico (da saúde) depende também de energia e espiritualidade.

chakras doutíssima istock getty images

Pontos de energia utilizados na yoga podem afetar o humor e o comportamento das pessoas. Foto: iStock, Getty Images

O que são os chakras

Conforme a Sociedade Brasileira de Apometria, os chakras são canais de energia que têm a aparência de uma flor. Além disso, eles são capazes de alterar o humor e o comportamento dos seres humanos por causa das influências hormonais.

 

Ao todo são sete e cada um dos chakras tem sua localização no corpo, cor e muitas outras particularidades. Entender como funcionam esses canais energéticos é importante para uma vida equilibrada. Eles são contados de baixo para cima e podem ser chamado pela ordem (primeiro, segundo, terceiro e assim por diante).

 

chakras infográfico 

Conheça cada um dos chakras

1. Raiz

chakras

Desequilíbrio do chakra relacionado à sobrevivência pode causar ansiedade nas pessoas. Foto: Shutterstock

Localizado na base da espinha, está ligado à sobrevivência, realidade, vitalidade, estabilidade, sexualidade, coragem e impulsividade. A emoção conectada a esse ponto é a paixão. O desafio proposto é o do medo e quando há desequilíbrio esse sentimento toma conta.

Em excesso, a energia desse chakra promove o materialismo, monotonia e climas pesados. Quando em falta, há medo ansiedade, falta de disciplina e resistência a estruturas.

2. Sacro

chakras

Desejo sexual pode ser negativamente afetado pelo desequilíbrio do ponto de energia Sacro. Foto: Shutterstock

Esse chakra fica na parte baixa do abdômen, cerca de um palmo abaixo do umbigo. A energia desse ponto rege emoções, sentimentos, sensualidade, confiança, sociabilidade e liberdade. Desejos são controlados por esse campo energético.

Em desequilíbrio, esse chakra mexe com a saúde sexual, causando desejo excessivo ou inexistente, cria sentimentos de culpa, instabilidade emocional, medo de mudanças e comportamentos obsessivos.

3. Plexo solar

chakras

Ponto energético localizado no estômago pode influenciar a critatividade e a autoestima. Foto: Shutterstock

Bem no ponto onde fica o estômago, esse ponto energético mexe com o propósito de cada um. Seu maior desafio é a vergonha, mas com a energia desse ponto em dia, autoconfiança, autoestima, senso de responsabilidade e criatividade ficam equilibrados.

Quando há excesso energético nesse ponto, agressividade, hiperatividade e competitividade podem ficar à flor da pele. A falta de estímulo pode levar ao desinteresse, falta de força de vontade, submissão e falta de energia.

4. Coração

chakras

O ciúmes e a falta de empatia são sentimentos influenciados pelo chakra do coração. Foto: Shutterstock

No centro do peito, onde fica o coração, esse ponto de energia procura promover o equilíbrio e o amor. Seu aspecto desafiador é o pesar ou luto.

O excesso de energia no chakra dá atenção demasiada para os outros, gera ciúmes e a tentativa de ser o centro das atenções. A falta de fluxo no ponto provoca a solidão, o isolamento e a falta de empatia.

Esse chakra é responsável pela ligação entre o mundo material e espiritual.

5. Garganta

chakras

A habilidade de se comunicar com os outros é afetada pelo chakra localizado na garganta. Foto: Shutterstock

Nos homens é fácil encontrar esse ponto, fica exatamente onde está o pomo de adão. O chakra da garganta tem muito a ver com falar e ser ouvido, com comunicação, expressão e organização.

A decepção é o desafio emocional desse ponto. Em desequilíbrio, esse chakra pode tornar as pessoas péssimos ouvintes ou impedir que os pensamentos sejam ditos.

6. Terceiro olho

chakras

O desequilíbrio no chakra localizado entre os dois olhos pode causar dor de cabeça. Foto: Shutterstock

Centralizado verticalmente no meio da testa e horizontalmente entre os dois olhos, esse chakra comanda a intuição, a percepção, a memória e a autorrealização. Lidar com ilusões é o desafio imposto por esse ponto.

O desequilíbrio dessa região provoca problemas de concentração, dores de cabeça, pesadelos, problemas de visão, problemas de memória e pensamentos inflexíveis.

7. Coroa

chakras

O conhecimento e a sabedoria são afetados pelo ponto de energia no topo da cabeça. Foto: Shutterstock

No topo da cabeça, esse ponto energético rege a sabedoria, o conhecimento e o carisma. Seu objetivo é promover o desprendimento das coisas mundanas e materiais, tornando o desapego um desafio.

A convicção extrema, problemas de aprendizagem e a rigidez de pensamentos são os problemas gerados pela falta de equilíbrio nesse chakra.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar! 

 

É fã do Doutíssima? Acompanhe o nosso conteúdo pelo Instagram!


Sites parceiros