Guia dos Dentes

Conheça 7 tratamentos realizados no consultório odontológico

Por Redação Doutíssima 22/10/2014

Um simples tratamento dentário pode transformar completamente um sorriso. Além de ser de extrema importância para a manutenção da saúde bucal, isso também pode aumentar de forma considerável a autoestima de um indivíduo, pois um sorriso bonito é um grande cartão de visitas que temos a disposição.

 

Consultório odontológico ajuda a garantir sorriso bonito

 

Ao procurarmos um consultório odontológico, encontrarmos uma grande variedade de possibilidades de tratamentos dentais que vão desde um simples clareamento até a realização de um implante dentário.

consultório-odontólogico

Consultório dentário é espaço adequado para buscar um sorriso mais bonito. Foto: iStock, Getty Images

Veja abaixo um pouco mais sobre os tratamentos odontológicos mais comuns que podem ser encontrados no seu consultório odontológico.

 

7 tratamentos de um consultório odontológico

 

1. Clareamento dental

 

Existem vários métodos de clareamento dental. No entanto, o procedimento não é indicado para qualquer pessoa. O clareamento é ideal para pessoas que tenham dentes e gengivas saudáveis.

 

Além disso, os melhores resultados são obtidos em indivíduos cujos dentes estão mais amarelados. O procedimento pode ser de forma caseira, onde o paciente utiliza uma placa de silicone de 3 a 4 horas, ou ao dormir, ou a laser, que é realizada no consultório odontológico, durante, geralmente, de 1 a 3 sessões.

 

O mais indicado é conversar com seu dentista para saber se o tratamento é indicado para o seu caso e, se sim, a forma indicada.

 

2. Tratamento ortodôntico

 

O uso de aparelhos ortodônticos é indicado para corrigir dentes tortos e desalinhados. Além disso, o tratamento ortodôntico traz benefícios para a saúde bucal e a aparência do sorriso de jovens e adultos.

 

Por meio dele é feita uma pressão constante sobre o dente na direção necessária para que ele, com o tempo, fique alinhado. O tratamento ele pode se dar de duas formas distintas: uma delas é o aparelho fixo convencional, que costuma ser feito com a colocação de elásticos para prender o fio, sendo necessária uma manutenção mensal do aparelho para sua troca.

 

O tratamento também pode ser feito com aparelho fixo autoligável que, ao contrário do convencional, a aba metálica não necessita de elásticos para prender o fio. Com isto, ele gera uma pressão mais leve, diminuindo o tempo de tratamento.

 

Além disto, não exige uma manutenção mensal no consultório, tornando a visita do paciente ao consultório odontológico mais espaçado.

 

3. Implante

 

Por meio deste tratamento odontológico, é feita a substituição de um ou mais dentes por meio de implante cirúrgico de pinos, com uma posterior colocação de próteses sobre eles. Com os implantes é possível estabilizar a dentadura, fazer a sua troca ou da prótese parcial removível por uma prótese fixa, repondo dentes perdidos sem desgastar os demais.

 

4. Próteses fixas

 

Com a prótese fixa é possível substituir um ou mais dentes. São restaurações e substituições de um ou mais dentes por meio de serviços envolvendo um protético, como coroas, pontes fixas ou móveis e dentaduras.

 

Por meio dos dentes pilares, que servem de âncoras para as pontes, um dente artificial denominado pôntico é soldado às coroas que revestem os pilares. A ponte fica cimentada no lugar que antes faltava um dente.

 

5. Enxerto gengival

 

O tratamento é indicado quando a raiz de um dente fica exposta devido à retração gengival, o que costuma provocar sensibilidade a alimentos ou bebidas quentes e geladas. A retração gengival também pode causar cáries de raiz, perda óssea e perda do dente.

 

O enxerto gengival, que é a transferência do tecido gengival saudável de uma parte da boca para outra, pode prevenir a progressão da retração gengival e da perda óssea.

 

6. Periodontia

 

Especialidade da odontologia que consiste na realização de uma raspagem que tende a curar os processos inflamatórios e infecciosos da gengiva. É um tratamento comum em um consultório odontológico.

 

7. Endodontia

 

O tratamento consiste na remoção do tecido mole (polpa) que se encontra na parte interna (canal) do dente e pode estar vivo, sadio, inflamado, infectado ou necrosado. Com a remoção desse tecido, o dentista esteriliza o canal, preenchendo-o com obturação em material específico.

 

 


Sites parceiros