[the_ad_group id="16401"]
Motivação

Aproveite a chegada do novo ano para mudar de vida

Por Redação Doutíssima 18/01/2015

Um novo ano chegou e, com ele, as oportunidades para mudar de vida. Não é simples, mas é possível restabelecer uma nova rotina, determinar novos objetivos e reunir forças para os planos futuros.

Por que mudar de vida

 

Se a vida não está correspondendo às suas expectativas e as frustrações são maiores que as realizações, é preciso parar e avaliar o que não está funcionando. Assim, você tomará novo gás e conseguirá pensar em outras formas de conquistar o que tanto almeja.

mudar de vida

Descubra a motivação dentro de você para que o ano seja de conquistas. Foto: iStock, Getty Images

Veja como mudar de vida em 5 passos

 

1. Faça o bem sem olhar a quem

Para mudar de vida, é necessário praticar o bem. Se preocupe com as pessoas e demonstre carinho através do interesse pela vida delas, perguntando se estão precisando de algo. Além disso, tente fazer pelo menos uma coisa que considera boa uma vez ao dia.

A gentileza diária faz toda a diferença na balança final. Escolha um amigo em dificuldade, um animal necessitado, ou procure ambientes como asilos ou orfanatos. O importante é doar seu tempo a algo transformador.

2. Saia da zona de conforto

Não se acomode e aceite tudo sem questionar. Se você fizer algo inédito todos os dias, percebe que pode mudar de vida, mesmo que seja aos poucos.

O exercício diário de testar suas próprias dificuldades e limitações tornará você uma pessoa mais inteligente. Você será capaz de enxergar o mundo de maneiras diferentes e compreenderá melhor as pessoas e as realidades.

Uma viagem sem roteiro programado é outra opção que permitirá a você quebrar seus medos e enfrentar situações inesperadas. Aproveite para reparar nas coisas simples, sem se preocupar com o destino.

3. Crie sem medo de extrapolar

 

O medo do ridículo é que nos faz ficarmos parados e não mudar de vida. Por acreditar que não conseguiremos realizar um sonho, alcançar uma meta ou sermos suficientemente capazes, limitamos nossos projetos mais ousados e criativos por medo de que ninguém goste.

Se você está interessado na ideia, já é um começo. Explore as potencialidades dele, verifique como pode sair do papel, conheça e faça parcerias e vá em frente. Se você errar, não foi pela falta de tentativa. Acredite sempre em si mesmo antes de desistir.

4. Trabalhe com o que gosta

 

Se você está insatisfeito com o seu trabalho, mude. Não é possível ser feliz se algo não estimula você. Escolha a profissão que, mesmo não sendo tão boa financeiramente no início, pode lhe impulsionar a ser alguém melhor.

Se não for possível fazer do seu gosto uma profissão, pelo menos pratique como hobby. Exerça as atividades que lhe façam feliz e não deixe que nada atrapalhe seu momento produtivo. Assim, você rende melhor, independentemente do ambiente.

5. Agradeça pela sua vida

Para mudar de vida, é preciso viver. Então, agradeça por respirar, conhecer pessoas, trabalhar, estar em sintonia com a natureza e ter em quem confiar. O primeiro passo para uma mudança é saber que ela é possível.

A vida que pulsa em você é o portal para estabelecer novos rumos e ter esperança no futuro. Então, sinta-se grato e compartilhe a sua felicidade. Assim, você garante que nada é impossível para quem acredita.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão Doutíssima


[the_ad id="14710899"]
[the_ad id="14710899"]
[the_ad_group id="16404"]